Batalha das Sete Estrelas

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha das Sete Estrelas
Battle of the Seven Stars.jpg
A Batalha das Sete Estrelas, em uma arte por John McCambridge em O Mundo de Gelo e Fogo
Conflito Invasão Ândala
Local Lança do Gigante, no Vale
Resultado Vitória ândala
Beligerantes
Primeiros Homens: Ândalos:
Comandantes
Rei Robar II Royce
Ursula Upcliff
Lorde Redfort †
Sor Artys Arryn
Lorde Ruthermont
Sor Luceon Templeton
Sor Jaime Corbray
Torgold Tollett
Baixas
Pesadas Pesadas

A Batalha das Sete Estrelas foi um grande confronto militar travado nos pés da Lança do Gigante durante a Invasão Ândala do Vale. O septão Mallow foi a pessoa que escreveu a respeito da batalha. Os Primeiros Homens foram derrotados e os ândalos iniciaram seu domínio do Vale, com a Casa Arryn ascendendo como os governantes da região.[1]

Prelúdio

A invasão ândala inicialmente conquistou boa parte do Vale, enquanto os reis nativos dos Primeiros Homens estavam desunidos e lutavam uns contra os outros e até colaboravam com os ândalos para combaterem rivais. Uma vez que a região já estava quase que totalmente sob controle ândalo, as casas remanescentes dos Primeiros Homens se uniram atrás do rei Robar II Royce, o coroando Alto Rei do Vale, dos Dedos e das Montanhas da Lua. Ele derrotou então Qyle Corbray, os Graftons e Martelo das Colinas (um rei ândalo), ameaçando a unidade dos ândalos, que por sua vez tiveram que se unir atrás de sor Artys Arryn, um cavaleiro ândalo nascido perto da Lança do Gigante.[1]

Os homens de Robar, a maioria a pé, fortificaram suas posições aos pés da montanha da Lança do Gigante, se entrincheirando na área. O exército ândalo chegou três dias depois.[1]

A batalha

Os detalhes do combate entre os ândalos e os Primeiros Homens nos pés da montanha da Lança do Gigante são escassos e se tornaram lenda. Há uma canção ândala que diz que eles começaram seu ataque quando viram sete estrelas no céu, interpretando isso como um sinal divino dos deuses para atacar. Os Primeiros Homens resistiram a pelo menos seis investidas ândalas, mas a sétima ofensiva, liderada por Torgold Tollett, foi mais bem sucedida e terminou na morte do Lorde Redfort e Ursula Upcliff. Para impedir que seus homens debandassem, o rei Robar liderou suas tropas remanescentes em um contra-ataque que matou Torgold. Esperando confrontar o líder do exército ândalo, Robar duelou com Artys Arryn, matando-o no processo. Contudo, logo percebeu-se que o cavaleiro morto não era Artys, mas sim só um nobre guerreiro qualquer se passando por ele.[1]

Então, cerca de 500 cavaleiros ândalos a cavalo atacaram os Primeiros Homens pela retaguarda. Liderando este ataque estava o verdadeiro Artys Arryn em pessoa. Os Primeiros Homens acabaram debandando em massa, com dezenas de seus lordes sendo mortos. Robar morreu no combate, embora se questione quem foi o seu assassino, podendo ser Artys Arryn, Lorde Ruthermont, Luceon Templeton ou Jaime Corbray.[1]

Eventos posteriores

A batalha das sete estrelas resultou na extinção de quatorze casas nobres dos Primeiros Homens na região e garantiu a submissão do Vale aos ândalos. O restante das casas nobres locais, como os Belmores, Hunters, Coldwaters, Redforts e até os Royces, dobraram o joelho. Sor Artys foi então coroado Artys I Arryn, Rei da Montanha e do Vale. Vários dos primeiros homens e seus descendentes que se recusaram a se submeter a dominação ândala fugiram para as Montanhas da Lua, se tornando então os clãs da montanha.[1]

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 1,5 O Mundo de Gelo e Fogo, Referência errada.


Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em Vale of Arryn. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.