Carta do Bastardo

De Gelo e Fogo wiki
(Redirecionado de Carta do bastardo)
Ir para: navegação, pesquisa

A Carta do Bastardo, como é chamada por alguns fãs da série, é uma carta infame enviada por Ramsay Bolton para a Muralha. Ela foi entregue a Jon Snow pelo intendente Clydas.

A carta foi endereçada para o "Bastardo" e selada com cera rosa (que é usada pela Casa Bolton), e continha a seguinte mensagem:


Seu falso rei está morto, bastardo. Ele e toda sua tropa foram esmagados em sete dias de batalha. Estou com a espada mágica dele. Conte isso para a puta vermelha.

Os amigos de seu falso rei estão mortos. Suas cabeças estão sobre as muralhas de Winterfell. Venha vê-las, bastardo. Seu falso rei morreu, e o mesmo acontecerá com você. Você disse ao mundo que queimou o Rei-para-lá-da-Muralha. Em vez disso, você o enviou para Winterfell, para roubar minha esposa.

Terei minha noiva de volta. Se quer Mance Rayder de volta, venha buscá-lo. Eu o tenho em uma jaula, para que todo o Norte possa ver, a prova de suas mentiras. A jaula é fria, mas fiz um manto quente para ele, com as peles das seis putas que o seguiram até Winterfell.

Quero minha noiva de volta. Quero a rainha do falso rei. Quero a filha deles e a bruxa vermelha. Quero sua princesa selvagem. Quero seu pequeno príncipe, o bebê selvagem. Quero meu Fedor. Mande-os para mim, bastardo, e não incomodarei você e seus corvos negros. Fique com ele, e eu arrancarei seu coração bastardo e o comerei.

Ramsay Bolton, Legítimo Senhor de Winterfell. [1]

Teorias dizem que talvez não tenha sido Ramsay que escreveu a carta, mas talvez Mance Rayder ou outros para enganar Jon.

Em resposta as ofensas de Ramsay, Jon planeja reunir um grupo de combatentes para atacar os Boltons, em violação do juramento da Patrulha. Isso leva, eventualmente, ao motim de Castelo Negro.


Referências e notas