Casa Corbray

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Casa Corbray de Lar do Coração
Corbray de Lar do Coração.png
Brasão três corvos negros, segurando três corações em suas garras
Sede Lar do Coração
Lorde Atual Lyonel Corbray
Região Vale de Arryn
Título Senhor dos Cinco Dedos
Rei dos Dedos
Senhor de Lar do Coração
Herdeiro Sor Lyn Corbray
Suserano Casa Arryn
Arma Ancestral Senhora Desespero
Fundação Invasão Ândala

A Casa Corbray de Lar do Coração é uma das principais casas nobres do Vale. É uma casa antiga, porém pobre.[1] A Espada Valiriana ancestral da Casa Cobray é chamada Senhora Desespero.

Seu brasão ostenta três corvos negros em vôo com três corações vermelhos em suas garras, em campo branco. [2][3] Suas palavras não aparecem nos livros.

História

Invasão ândala

Os Corbrays são descendentes dos invasores Ândalos. Lorde Corwyn Corbray conquistou os Dedos ao derrotar as Casas Brightstone e Shell, reclamando para si o título de Senhor dos Cinco Dedos. Quando os Primeiros Homens começaram a se unir para lutar contra os Ândalos, o rei Robar II Royce matou Qyle Corbray, o Rei dos Dedos. Os Corbrays afirmam que Sor Jaime Corbray matou Robar na Batalha das Sete Estrelas.[4]

Era Targaryen

Durante o reinado de Aegon I Targaryen, Sor Gawen Corbray foi escolhido pela rainha Visenya Targaryen como mestre de armas para seu filho, o príncipe Maegor, em Pedra do Dragão, já que era dito que ele era um dos cavaleiros mais letais dos Sete Reinos.[5]

Sor Corwyn Corbray foi feito regente em 134 d.C., durante a regência do jovem rei Aegon III Targaryen. Ele acabou sendo morto em Pedrarruna naquele mesmo ano.[6]

Durante a Primeira Rebelião Blackfyre, Sor Gwayne Corbray da Guarda Real lutou pelas forças lealistas Targaryen contra Daemon Blackfyre na Batalha do Campo do Capim Vermelho. Os dois duelaram por mais de uma hora, com suas espadas de aço valiriano, a Blackfyre e a Senhora Desespero, se digladiando. No final, a Blackfyre acertou Gwayne no elmo e o deixou cego e mortalmente sangrando. Daemon pediu para Redtusk levar Gwayne para a retaguarda para que seus meistres para ser curado. Essa ação acabou sendo decisiva pois esta pequena pausa permitiu que os homens de Brynden Rivers subissem num colina e chuvessem flechas sobre a posição de Daemon, matando-o.[7]

O bisavô de Petyr Baelish's vei de Bravos como mercenário a serviço de um Lorde Corbray.[8]

Era Baratheon

Durante a Rebelião de Robert, Sor Lyn Corbray decidiu ficar do lado do Trono de Ferro Targaryen e se opôs ao seu suserano, o lorde Jon Arryn, nos portões de Vila Gaivota, mas a cidade acabou sendo tomada. Após esta derrota, os Corbray se aliaram aos rebeldes e lutaram na Batalha do Tridente junto com os Arryn, onde Lyn Corbray acabou matando o príncipe Lewyn Martell. Na batalha, ele pegou a Senhora Desespero após seu pai ser ferido e liderou um ataque que destroçou as linhas dornesas. Quando Lorde Corbray morreu, ele passou sua espada para Sor Lyn, algo que causou ressentimento em Lyonel, o irmão mais velho e sucessor.[2]

Eventos recentes

A Guerra dos Tronos

Mya Stone confessa apra Catelyn Stark de estar apaixonada por Mychel Redfort, escudeiro por Sor Lyn Corbray.[9] Lyn é um dos pretendentes da viuva Lysa Arryn e fica ao lado dela no Ninho da Águia por um ano após a morte do Senhor Jon Arryn. Lyn se oferece como campeão da Senhora Lysa no julgamento por combate de Tyrion Lannister, afirmando que ele era a espada mais segura no ressinto.[10]

A Tormenta de Espadas

Quando discutindo a questão de sucessão do rei Robb Stark, sua mãe Catelyn se lembra que o avô de Eddard Stark tinha uma irmã que se casou com o filho mais novo do lorde Raymar Royce e tiveram três filhas, uma delas que se casou com Corbray, indicando que as duas Casas tinham laços de sangue.[11]

Lysa Arryn fica enfurecida quando Lorde Lyonel Corbray pede para que o filho dela, o jovem Robert Arryn, seja enviado a ele como escudeiro.[8]

Deixando sua nova esposa Lysa e Sansa Stark no Ninho da Águia, Petyr Baelish passou quatro dias com os Corbrays.[12]

O Festim dos Corvos

Apesar do lorde Lyonel estar satisfeito com o governo de Petyr, Sor Lyn se junta aos Senhores Declarantes.[13] Apesar de ser um convidado no Ninho da Águia, Lyn saca sua espada e ameaça o Senhor Petyr durante uma dura conversa. Sansa descobre que Lyn foi comprado pelo lorde Baelish desde o começo, para tentar enfraquecer os Senhores Declarantes. Petyr confessa que recompensou Lyn por seus serviços com "ouro, rapazes e promessas", o definindo como um homem com gostos.[2]

Petyr arranja o casamento de Lorde Lyonel Corbray com a filha de um rico mercador de Vila Gaivota, que lhe dá um grande dote. Os Senhores declarantes deveria boicotar o casamento de Lyonel, mas o lorde Belmore, a senhora Waynwood e o Cavaleiro de Novestrelas compareceram, assim como os lordes das Casas Waxley, Grafton e Lynderly.[14]

Mychel Redfort é feito cavaleiro e é substituído da função de escudeiro de Sor Lyn Corbray. De acordo com Myranda Royce, o novo escudeiro é um garoto chato que Lyn apenas o tomou em troca de ouro.[14]

A Casa Corbray no final do terceiro século

Os Corbray conhecidos durante o período de tempo dos eventos descritos em As Crônicas de Gelo e Fogo são:

  • Lorde Lyonel Corbray, o Senhor de Lar do Coração. Um homem sem filhos na idade dos quarenta anos.
  • Sor Lyn Corbray, seu irmão mais velho e herdeiro. Um cavaleiro briguento
  • Sor Lucas Corbray, seu irmão.

Referências e notas



Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em House Corbray. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.