Casa Uller

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Casa Uller de Toca do Inferno
Uller de Toca do Inferno.png
Brasão Chamas vermelhas sobre um campo amarelo
Sede Toca do Inferno
Lorde Atual Lorde Harmen Uller
Região Dorne
Título Senhor de Toca do Inferno
Suserano Casa Martell

Casa Uller de Toca do Inferno é uma das grandes casas nobres de Dorne. Os Uller mantém residência no meio do deserto Dornês, e têm a reputação de ser impulsivos e imprevisíveis. Há um ditado em Dorne que diz que "Metade dos Uller são meio-loucos, e a outra metade é pior".[1]

Suas armas são chamas vermelhas sobre amarelo.[2][3] A Toca do Inferno foi assim nomeada após um episódio no qual visitantes indesejados foram trancados no castelo e queimados até a morte. Seu lema não aparece nos livros.

História

A Casa Uller é descendente de aventureiros Ândalos que se assentaram nas margens do rio Sulfuroso.[4] Sua principal fortaleza é a Toca do Inferno, nomeada assim após um evento onde rivais foram convocados ao castelo e depois foram capturados e queimados até a morte.[5] Este acontecimento inspirou o brasão de armas dos Uller.[6]

Os Ullers apoiaram a Casa Nymeros Martell contra os Yronwoods durante a Guerra de Nymeria. Após a morte do seu primeiro marido, a Princesa Nymeria se casou com Lorde Uller e depois com Sor Davos Dayne.[7]

No começo da Primeira Guerra Dornesa, o exército de lorde Harlen Tyrell encontrou a Toca do Inferno vazia e perceberam que o exército Uller havia abandonado suas terras. Enquanto os dorneses conduziam sua guerra contra a Casa Targaryen, Harlen e suas tropas acabaram desaparecendo no deserto, quando eles abandonaram a Toca do Inferno para ir tentar conquistar as fortalezas de Vaith e Lançassolar. A rainha Rhaenys Targaryen e seu dragão Meraxes foram mortos enquanto atacavam a Toca do Inferno, em 10 d.C.. O corpo da rainha nunca foi recuperado e acredita-se que ela teria na verdade sobrevivido a luta e foi capturada e torturada até a morte pelos Ullers.[8]

Eventos recentes

A Tormenta de Espadas

Lorde Harmen Uller, seu irmão Sor Ulwyck Uller e sua filha Ellaria Sand estão entre os nobres dorneses da comitiva do príncipe Oberyn Martell que vai para Porto Real.[2] Ellaria é amante de Oberyn e mãe de quatro de suas filhas.[9]

O Festim dos Corvos

Arianne Martell planeja coroar Myrcella Baratheon em Toca do Inferno enquanto concebia sua conspiração, confiante que os Ullers se juntariam a ela devido as boas relações deles com Oberyn, a Víbora Vermelha.[9]

Enquanto presa numa torre em Lançassolar após o fracasso de sua conspiração, Arianne pondera se deveria pedir ajuda aos Ullers, mas abandona a ideia por julgar muito perigosa.[1]

A Dança dos Dragões

Os Ullers estavam presentes no banquete oferecido a Sor Balon Swann quando este chegou em Lançassolar para presentear aos Martell a cabeça de Sor Gregor Clegane. Eles não beberam quando Ricasso ofereceu um brinde a saúde do rei Tommen Baratheon.[10]

A Casa Uller no final do terceiro século

Os Uller conhecidos durante o período de tempo dos eventos descritos em As Crônicas de Gelo e Fogo são:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Harmen
 
Ulwyk
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Ellaria
Sand
 
{Oberyn
Martell}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Elia
Sand
 
Obella
Sand
 
Dorea
Sand
 
Loreza
Sand
 

Referências