Daenerys Targaryen (filha de Aegon IV)

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Para os artigos que compartilham o mesmo título, por favor veja esta página de desambiguação. Disambig.png

Targaryen.png
Daenerys Targaryen
Martell.png
Daenerys Targaryen Martell.jpg
Daenerys, por Uno Piyo ©
Título Princesa
Lealdade Casa Targaryen
Casa Martell
Esposa(o) Maron Martell
Nascimento Em 172 d.C., em Porto Real
Mencionada
Mencionada
Outros
Mencionada

Princesa Daenerys Targaryen, foi a filha de Aegon IV Targaryen com Naerys Targaryen e irmã mais nova de Daeron II Targaryen. Daenerys Targaryen filha de Aerys II Targaryen e Rhaella Targaryen recebeu o nome em sua homenagem.[1]

História

Veja também: Imagens de Daenerys Targaryen (filha de Aegon IV)
Daenerys Targaryen, por Amoka ©

Princesa Daenerys nasceu em 172 d.C. após 19 anos do nascimento de seu irmão e futuro rei Daeron II que nascera em 153 d.C. ano em que seus pais se casaram.[2] Daenerys teve um irmão gêmeo que nasceu natimorto. Sua mãe ficou na linha da morte devido as dificuldades do parto mas eventualmente se recuperou.[3] Na época de seu nascimento Daeron já era casado e tinha um filho.[4]

O noivado de Daenerys com o Príncipe de Dorne: Maron Martell ocorreu através de um acordo feito por seu irmão Daeron como parte de um tratado para trazer Dorne para o reino do Trono de Ferro, [5][4] depois de dois anos de negociações.[5] É dito que Daenerys amava Daemon Blackfyre sendo a principal motivação pelo levante da rebelião contra Daeron o fato de a mão de Daenerys ser negada a ele.[6] No entanto, deve-se atentar que Daemon só se levantou em rebelião 8 anos depois e que não há registros de Daenerys em luto por seu meio-irmão.[5] Na época em que Daemon se rebelou, ele já era casado com Rohanne de Tyrosh por anos, tendo pelo menos 9 filhos com ela e Daenerys já tinha tido vários filhos como Maron.[5]

O casamento de Daenerys com o Príncipe Maron ocorreu em 187 d.C. nas Terras da Coroa. Após a cerimônia tanto Daeron como Maron foram prestar seus respeitos à estátua de Baelor I Targaryen que uma vez fizera as pazes entre o Trono de Ferro e Dorne(com o casamento entre Daeron e Mariah Martell, irmã de Maron como resultado). Para celebrar um torneio foi montado em que o Príncipe Baelor Targaryen ganhou o nome Quebra-Lança, derrotando dentre muitos Daemon Blackfyre na disputa final. [5]

De acordo com George R. R. Martin:

Apesar de Daemon e Daenerys estarem apaixonados, seu irmão e Rei, Daeron o Bom estava mais preocupado com as questões de Estado do que com as questões de amor. Houve muitos anos de luta com Dorne e falha em traze-los para os Sete Reinos, enquanto não se era capaz de impedi-los de assediar os Sete Reinos. Então ele percebeu que aonde a violência falhara, talvez o casamento pudesse trazer um fim às hostilidades e usa sua irmã para fazer uma aliança com o príncipe de Dorne. É um casamento político puro e simplesmente, um conveniente casamento para garantir a união de Dorne com os Sete Reinos. E também, ele prefere dar a mão de sua irmã ao príncipe de Dorne sobre um irmão bastardo com quem já teve alguns confrontos e que muitas pessoas estavam procurando como um legítimo reclamante ao trono ou legítimo rei. Essa foi a palha que quebrou as costas do camelo, e fomentou Daemon a tornar-se o primeiro pretendente Blackfyre.[7]

O Príncipe Maron construiu para sua esposa os Jardins de Água. Um belo lugar feito de mármore colorido com piscinas e árvores para livra-la do calor e poeira de Lançassolar. Seus filhos brincavam nas piscinas junto de outras crianças filhas de senhores e senhoras de alto nascimento. Um dia, quando estava muito quente, ela se comoveu pelas crianças dos serventes e guardas e permitiu que eles brincassem nas piscinas junto das crianças de alto nascimento, tradição esta que ainda permanece em Dorne atualmente.[8]

Um retrato da Princesa Daenerys está presente em Lançassolar.[9]

Eventos recentes

A Dança dos Dragões

Enquanto Davos Seaworth está em Porto Branco em uma estalagem chamada Enguia Preguiçosa, entre os presentes, a conversa se volta para os Targaryens e a filha do Rei Louco, mas nenhum deles tem certeza qual é o nome da princesa. Davos Seaworth menciona que seu nome é Daenerys Targaryen e que ela foi nomeada após Daenerys que se casara com o Maron, Príncipe de Dorne durante o reinado de Daeron II Targaryen.[1]

Durante um banquete em Lançassolar, o Príncipe Doran Martell conta a Sr Balon Swann sobre os Jardins de Água e que um de seus antepassados ​​os construiu para agradar sua noiva Targaryen, Daenerys. Ele acrescenta que foi seu casamento que fez Dorne parte dos Sete Reinos.[8]

Em Meereen o Príncipe Quentyn Martell diz à Daenerys Targaryen que ele pode rastrear sua linhagem de volta para a primeira Daenerys, a princesa Targaryen que era irmã do rei Daeron II Targaryen e esposa de Maron Martell, o Príncipe de Dorne. Ele diz a ela que o príncipe Maron tinha construído os Jardins de Água para sua noiva. A rainha Daenerys admite nunca ter ouvido falar dos Jardins antes. Enquanto eles voltam do Fosso do Dragão, Daenerys pede a Quentyn para contar a ela sobre seu nome. Ela confessa que sabe menos do que deveria da história do reino de seu pai, já que ela nunca teve um Meistre, enquanto crescia, para ensiná-la.[10]

Os ventos do Inverno

Arianne Martell lembra dos dias de sua juventude. Ela passava horas olhando o retrato da Princesa Daenerys pendurado em Lançassolar quando era apenas uma menina gordinha, de peito liso e no alto de sua virgindade que rezava todos os dias para que os deuses a fizessem bonita.[11]

Citações

Citações de Daenerys

Este é o seu reino, lembre-se deles, em tudo o que você fizer.[8]
- Daenerys, para seu filho e herdeiro, falando sobre as crianças inocentes que brincam nos Jardins de Água, das de alto nascimento até as mais baixas.

Citações sobre Daenerys

Todo reino sabia que a garota amava o irmão bastardo de Daeron, Daemon Blackfyre, e que era amada por ele também. Mas o rei foi sábio o bastante para ver que o bem de milhares deveria vir antes do desejo de dois, mesmo que esses dois fossem caros a ele.[8]
- Príncipe Doran Martell, para Sr. Balon Swann
Daemon Blackfyre amou a primeira Daenerys e levantou-se em rebelião quando ela lhe foi negada.[12]
- Pensamentos de Sr. Barristan Selmy
A cem anos atrás, Daenerys Targaryen veio para Dorne para trazer a paz. Agora outra vem para fazer a guerra.[11]
- Arianne Martell
Se Daenerys amava Daemon, como aqueles que se ergueram pelo Dragão Negro mais tarde afirmavam, quem pode dizer? Nos anos que se seguiram Daenerys não foi nada além de uma esposa leal ao príncipe Maron, e se ela lamentou a morte de Daemon Blackfyre, não deixou registro disso.[13]
- Meistre Yandel

Família

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Aegon II}
 
{Helaena}
 
{Aemond}
 
{Daeron}
 
{Rhaenyra}
 
{Daemon}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Jaehaerys}
 
{Maelor}
 
{Jaehaera}
 
{Aegon III}
 
{Daenaera
Velaryon}
 
 
 
 
 
{Viserys II}
 
{Larra
Rogare}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Daeron I}
 
{Rhaena}
 
 
{Elaena}
 
{Alyn
Velaryon}
 
{Baelor I}
 
{Daena}
 
{Aegon IV}
 
{Naerys}
 
{Aemon}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Ossifer
Plumm}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Jeyne
Waters}
 
{Jon
Waters}
 
 
{Daemon
Blackfyre}
 
{Daeron II}
 
{Daenerys}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Viserys
Plumm}
 
 
 
{Michael
Manwoody}
 
 
{Ronnel
Penrose}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
{Robin
Penrose}
 
{Laena
Penrose}
 
{Jocelyn
Penrose}
 
{Joy
Penrose}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Daenerys Targaryen (daughter of Aegon IV), um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências