Mors Umber

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Umber.png
Mors Umber
Umber.png
Mors Umber Тхе Мичо.jpg
Mors Umber, por Tхе Мичо ©
Apelido(s) Papa-corvos
Título Castelão de Última Lareira
Lealdade Casa Umber
Raça Primeiros Homens
Cultura Nortenha
Aparece
Mencionado
Mencionado

Mors "Papa-corvos" Umber é o tio do Lorde Grande-Jon Umber e castelão conjunto de Última Lareira. Ele é velho e está geralmente bêbado.[1]

Aparência e personalidade

Veja também: Imagens de Mors Umber

Mors é um homem velho, grande e poderoso, com um rosto corado e uma barba branca desgrenhada.[2] Ele usa um pedaço de Vidro de Dragão no lugar de um olho perdido[1] ou esconde a órbita vazia com um tapa-olho de couro branco manchado. Ele usa um manto feito da pele de um urso da neve com a sua cabeça como um capuz.[3]

História

Certa vez, enquanto dormia ao lado de uma estrada, um corvo tomou Mors como morto e bicou seu olho. De acordo com a Velha Ama, ele agarrou o corvo pelos pés e mordeu sua cabeça, o que lhe valeu o apelido de Papa-Corvos.[1] Sua esposa morreu no parto. Ambos os seus filhos foram mortos durante a Batalha do Tridente na Guerra do Usurpador e sua única filha foi raptada por um dos selvagens, deixando Mors com um profundo ódio pelo Povo Livre.[4]

Eventos recentes

Info Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).

A Fúria dos Reis

Mors "Papa-Corvos" Umber, junto de seu irmão, Hother "Terror das Rameiras" Umber, participam da festa da colheita em Winterfell, onde Mors se coloca a frente como um possível pretendente para Lady Donella Hornwood, apesar de ele ser mais velho do que seu pai. Ele ressalta que seu sobrinho, Lorde Grande-Jon Umber, é a mão direitao do Rei Robb Stark, fazendo um Umber, e Mors em particular, a melhor escolha para proteger as terras da viúva. Como Meistre Luwin sabe que Donella despreza Mors, considerando-o um bruto bêbado, ele ressalta que ela ainda está de luto, depois de ter perdido o marido Halys e seu filho Daryn na Guerra dos Cinco Reis, à qual Mors responde grosseiramente que podia afugentar sua tristeza com a sua masculinidade. Luwin promete repassar o pedido para Lady Donella e o Rei Robb. Quando Luwin responde ao pedido de Hother por dracares e homens para navegar como proteção contra o afluxo de selvagens no norte com a sugestão de uma aliança com o Lorde Wyman Manderly , Mors é desconsiderado, chamando Lorde Manderly de "saco bamboleante de sebo". No entanto, Sor Rodrik Cassel comanda os Umber em nome do Rei Robb e se aliam com Lorde Manderly, mas não sem resmungos.[1] Na própria festa da colheita, Mors e seu irmão Hother jogam um jogo bebendo, batendo seus cornos com força. Quando um guincho é girado no ar, Mors é o primeiro a ficar de pé, ele pega uma menina que passava servindo os convidados, derruba o garrafão de vinho de sua mão e gira em torno dela, depois a joga no ar. A menina grita com risos e fica vermelha como sua saia levantada.[5]

A Dança dos Dragões

Mors Umber é um dos poucos representantes do Norte que declararam lealdade a Stannis Baratheon. Ele concorda em servir Stannis, se ele à ele for enviado o crânio de Mance Rayder. Mors também afirma à Stannis que ele não vai lutar contra o seu irmão, Hother Terros das Rameiras, que se juntou a Casa Bolton.[6] Hother fez isso só porque o Grande-Jon é um prisioneiro do Trono de Ferro. Stannis concorda e promete colocar Mors no lado oposto da batalha a seu irmão. Mors está fora de Winterfell durante uma nevasca, seus homens sopram repetidamente cornos de guerra para causar confusão e para tirar os Bolton do castelo. Lá, ele é capaz de capturar Theon Greyjoy e Jeyne Poole, quando ambos estão fugindo de Winterfell e de seu captor depravado, Ramsay Bolton, o herdeiro de Roose Bolton. Também durante este tempo, o banqueiro bravosiano Tycho Nestoris à procura de Stannis em vez disso encontra Mors. Mors envia Theon e Jeyne com Tycho e sua escolta para Stannis em uma aldeia de pequenos agricultores na Mata de Lobos.[7]

The Winds of Winter

Theon revela que Mors perguntou à Jeyne, que ainda estava alegando ser Arya Stark, perguntas sobre Winterfell, como nomes de funcionários da fortaleza, para confirmar sua identidade. Como Jeyne viveu em Winterfell a maioria de sua vida, ela foi capaz de respondê-las corretamente. Além disso, Mors só foi capaz de reunir alguns homens aleijados e uns meninos inexperientes como parte de sua força, pois, a maioria da força Umber tinha ido para o sul com o Grande-Jon e os guardas restantes tinha sido deixados com Hother.

Mors tinha feito os meninos verdes cavarem um fosso fora dos portões de Winterfell. Devido à nevasca, a visibilidade das sentinelas foi prejudicada e eles foram capazes de fazê-lo sem detecção. Quando os Frey andavam pelos portões de Winterfell, vários deles caíram nesta armadilha. Hosteen Frey perdeu seu cavalo e Aenys Frey quebrou o pescoço e morreu.[8]

Família

 
 
 
 
Hoarfrost
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Desconhecido
 
 
 
 
 
Mors
"Papa-corvos"
 
Hother
"Terror-das-Rameiras"
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Grande Jon
 
Desconhecidos
(ao menos 2 irmãos)
 
Filho
 
Filho
 
' Filha '
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Pequeno Jon
 
Ao menos
mais 1 filho
 
Ao menos
2 filhas
 


Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Mors Umber, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências