Wyman Manderly

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Manderly.png
Wyman Manderly
Manderly.png
Wyman Manderly by cabepfir.jpg
Wyman Manderly, por Cabepfir ©
Apelido(s) Lorde Lampreia
Lorde gordo demais para montar a cavalo
Lorde Porco
Lorde Banha
Título Senhor de Porto Branco
Guardião da Faca Branca
Escudo da Fé
Defensor dos Despossuídos
Lorde Marechal do Vago
Cavaleiro da Ordem da Mão Verde
Lealdade Casa Manderly
Cultura Campina
Nascimento Em +/-239 d.C.
Mencionado
Aparece
Mencionado
Mencionado
Aparece

GoT Logo.jpg
Interpretado(a) por Sean Blowers
Aparições 6ª Temporada
Apareceu em 1 episódio (ver seção)
Wyman Manderly, por Тхе Мичо ©

Wyman Manderly é o chefe da Casa Manderly. Ele tem dois filhos, Sor Wylis e Sor Wendel, está viúvo há oito anos. Seus títulos incluem Senhor de Porto Branco, Guardião da Faca Branca, Escudo da Fé, Defensor dos Despossuídos, Lorde Marechal do Vago e Cavaleiro da Ordem da Mão Verde.[1]

Aparência e personalidade

Veja também: Imagens de Wyman Manderly

Wyman é tão gordo que não consegue mais andar a cavalo e se locomove em uma maca [2], por isso, leva o apelido Lorde gordo demais para montar a cavalo [3]. Ele tem quase sessenta anos de idade, com uma barriga enorme e os dedos do tamanho de salsichas.[4] Ele é amável e tem uma risada alta estrondosa.

Ele é ridicularizado por seu próprio povo, como Lorde Lampreia [2]. Por sua própria admissão e por causa de sua aparência física, Wyman é visto por muitos como fraco e tolo, no entanto, é muito esperto, ele é astuto, calculista e inteligente. Ele também é firmemente leal a Casa Stark.[5]

História

Wyman gostava de andar a cavalo quando menino e ele ganhou uma pequena aclamação nas justas quando ele era jovem. No entanto, ele se tornou muito gordo para montar. Wyman tem sido um viúvo desde cerca 291 d.C.. Wyman participou da Batalha do Tridente durante a Rebelião de Robert. Ele concedeu a Toca do Lobo à Sor Bartimus após ele ter salvo a vida de Wyman na batalha.

Eventos recentes

Info Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).

A Guerra dos Tronos

Em Porto Real, Lorde Eddard Stark pede a sua esposa, Catelyn Tully, para instruir Lorde Wyman à fortalecer as defesas de Porto Branco e mantê-lo bem guarnecido [6]. Wyman recebe Catelyn quando ela vai à Porto Branco após seu retorno do Ninho da Águia. Ele permanece para comandar a defesa da cidade, quando Robb Stark chama seus juramentados. Ele envia seus dois filhos, Wylis e Wendel, na sua ausência [4].

A Fúria dos Reis

Wyman vai até Winterfell para a festa da colheita, levando consigo uma companhia de cavaleiros e ajudantes. Para Bran Stark, Sor Rodrik Cassel e o meistre Luwin, ele propõe começar a cunhar uma nova moeda para o rei Robb, além de construir uma frota de navios de guerra para o Norte. Ele também se ofereceu e a seu filho como um possível novo marido para a viúva senhora Donella Hornwood (Lorde Wyman tinha planos de reivindicar as terras Hornwood para si).[2] Apesar do seu tamanho, Lorde Manderly consegue dançar graciosamente com Beth Cassel durante a festa.[7] Quando Ramsay Snow, o Bastardo de Bolton, sequestra a Senhora Hornwood e força ela a se casar com ele, Wyman manda seus soldados ocuparem a fortaleza Hornwood para impedir que os Boltons a ocupem.[8]

Em resposta a captura de Winterfell por Theon Greyjoy, Wyman manda suprimentos, cavaleiros e equipamentos de cerco para ajudar o exército de Sor Rodrik Cassel para retomar o castelo dos Starks.[9] Contudo, a tropa lealista Stark é traída por Ramsay e os soldados da Casa Bolton massacram o exército nortenho.[10]

A Tormenta das Espadas

O herdeiro de Wyman, Sor Wylis, é capturado pelos Lannisters na Batalha do Vau Rubi. Seu segundo filho, Sor Wendel, morre nas Gêmeas durante o Casamento Vermelho [11].

O Festim dos Corvos

É relatado a Rainha Cersei que Lorde Wyman teria executado Sor Davos Seaworth. Os membros da Casa Frey testemunharam ter visto a cabeça, confirmando a afirmação de Wyman [12].

A Dança dos Dragões

Stannis Baratheon envia uma carta à Porto Branco que exige lealdade a ele como rei de Lorde Wyman. Ele responde com ofuscação, falando de sua idade e enfermidade.[3] De acordo com Jon Snow Wyman Manderly é o vassalo mai rico da Casa Stark [3].

Davos Seaworth chega para tratar com Lorde Wyman em nome de Stannis e ele é trazido à sua presença no Tribunal do Merman. Um grande público está presente, com três Frey presentes (Rhaegar, Symond, e Jared), assim como a família de seu filho sobrevivente, Wylis. No retorno de Wylis a paz com o Trono de Ferro, Wyman concorda em se casar com uma filha de Lorde Walder Frey e casar suas netas Wynafryd e Wylla a Rhaegar e Pequeno Walder Frey, respectivamente. Wyman também concorda em abrir mão de sua pretensão a Hornwood. Depois de Lorde Wyman ouvir o apelo de Davos para se juntar a causa de Stannis, ele ordena a execução de Davos devido a sua lealdade para com a Casa Lannister, o Trono de Ferro, e sua fé na explicação dos Frey de que o Casamento Vermelho seria obra de Robb Stark [1].

Em vez de executar Davos, Wyman executa outro prisioneiro no lugar do Cavaleiro das Cebolas e envia Davos para a Toca do Lobo, uma prisão em Porto Branco. A cabeça e as mãos do outro prisioneiro são removidos, mergulhados em alcatrão, e os dedos do prisioneiro sem nome, são removidos de forma a tornar os restos que são exibidos no olhar público realmente iguais aos de Davos. Os Frey escrevem à Porto Real afirmando que Wyman lealmente ordenou a execução do Cavaleiro das cebolas. O truque de Wyman Manderly funciona, e do Trono de Ferro retira seu filho Wylis do cativeiro em Harrenhal.

Durante a celebração da festa de acolhida à Wylis em Porto Branco, Wyman reúne secretamente em um quarto do Castelo Novo com Davos Seaworth e Robett Glover. Ele pede desculpas a Davos pela maneira como ele foi tratado, e explica a necessidade de toda a atuação e decepção era para enganar os Lannister e os Frey e fazê-los liberar seu filho do cativeiro e pensar que ele é um gordo, idiota estúpido que os teme. Wyman explica a Davos que ele descobriu por um sobrevivente do Saque de Winterfell, Wex Pyke, que foi Ramsay Bolton, o responsável pelo massacre. Ele também explica a Davos que ele aprendeu por Wex que Rickon Stark está vivo e ele precisa de um contrabandista, e não um marinheiro normal, para recuperar-lo de sua localização atual, Skagos. Wyman promete a Davos que ele vai jurar fidelidade a Stannis Baratheon se ele fizer esta tarefa para ele [5].

Depois que ele e Davos chegam a um acordo, Wyman Manderly o deixa para assistir ao casamento de Ramsay Bolton com "Arya Stark", com uma escolta armada. Antes de fazer isso, ele presenteia seus três convidados Frey um palafrém cada. Os presentes são dados aos hóspedes quando eles deixam a proteção de seu hospedeiro, o que significa que já não estão sob a proteção do direito de hóspede [13]. Wyman trazcom ele uma grande oferta de alimentos para o casamento de Ramsay em Winterfell, mas ele não traz nenhum refém como comandado por Roose Bolton, o novo Protetor do Norte. Isto é inquietante para Roose Bolton, mas com notícias de Stannis marchando em direção de Winterfell, Roose não pode brigar com Wyman por estar na necessidade de seus cavaleiros.

Os três Frey não chegam com Wyman. Ele alega que vinha a frente deles, sendo que ele não pode andar a cavalo, em vez disso, viajou de barco. Hosteen e Aenys Frey suspeitam do crime de Wyman.[14] Na festa de casamento, Wyman está muito alegre, rindo, brincando e indicando canções para o cantor Abel cantar. Em seguida, ele apresenta três tortas enormes. Ele próprio lhes serve, as primeiras porções ainda fumegantes, ele dá a Roose Bolton e sua esposa Walda Gorda Frey, as seguintes aos filhos de Lorde Walder Frey, Sor Hosteen Frey e Sor Aenys Frey.[15] Wyman pede que Abel cante a canção do Cozinheiro Ratazana, muito provavelmente a intenção era fazer os violadores do direito de convidado se sentirem desconfortáveis [15]. Roose Bolton não come e nem bebe nada, a menos que ele veja Wyman prová-lo primeiro.

Entre os bonecos de neve que os escudeiros constroem ao longo das muralhas de Winterfell, o boneco de neve mais gordo é lembrando por Theon Greyjoy como sendo Lorde Wyman [16]. Quando vários homens-de-armas do castelo são assassinados, e uma vez que Theon é rejeitado como suspeito, as suspeitas são lançadas sobre Wyman Manderly ter ordenar as mortes. Quando o Pequeno Walder Frey é assassinado, Hosteen acusa abertamente Wyman, que nega a acusação, mas ao mesmo tempo insulta a Casa Frey, o que provoca um enfurecido Hosteen a atacar Wyman. A Garganta de Wyman é quase cortada, mas seus cavaleiros intervém. Seus ferimentos são tratados por Meistre Medrick [17].

Citações

Rei Robb não tem servo mais leal do que Wyman Manderly [2].
— Wyman à Rodrik Cassel
Ao tratar com mentirosos, até mesmo um homem honesto deve mentir [5].
— Wyman à Davos Seaworth
Eu sou gordo, e muitos pensam que isso me faz fraco e tolo [5].
— Wyman à Davos Seaworth
O grande porco Manderly era muito covarde para deixar Porto Branco, ou nós o teríamos levado também [18].
Ramsay Snow depois de exibir os corpos de Rodrik Cassel, Leobald Tallhart e Cley Cerwyn
Se uma cabeça foi suficiente para apaziguar um príncipe de Dorne, um saco delas deve ser mais que suficiente para um nortenho gordo envolto em peles de foca.
— Pensamentos de Cersei Lannister

Família

 
 
 
 
 
Wyman
 
 
 
 
{Halys
Hornwood}
 
{Donella}
 
Ramsay Snow
 
 
Marlon
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Wylis
 
Leona Woolfield
 
{Wendel}
 
 
{Daryn Hornwood}
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Wynafryd
 
Wylla
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Na série de televisão

Aparições

Aparições na 6ª Temporada de Game of Thrones
The Red Woman Home Oathbreaker Book of the Stranger The Door
Blood of My Blood The Broken Man No One Battle of the Bastards

Referências