Ações

Mudanças entre as edições de "Barristan I (Os Ventos de Inverno)"

(Lista de Personagens)
(Uma revisão intermediária pelo mesmo usuário não está sendo mostrada)
Linha 16: Linha 16:
 
As tropas yunkaítas estão atirando homens mortos em Meereen usando [[seis irmãs|seis trabucos]], mas apesar de seu tamanho, os trabucos não conseguem levar os cadáveres para longe na cidade. [[Barristan Selmy|Barristan]] anda pelo mercado da praça, recordando quando [[Daenerys Targaryen|Daenerys]] [[cerco de Meereen|tomou Meereen]]. O mercado tornou-se novamente uma cena de carnificina, desta vez por conta da [[égua descorada]].
 
As tropas yunkaítas estão atirando homens mortos em Meereen usando [[seis irmãs|seis trabucos]], mas apesar de seu tamanho, os trabucos não conseguem levar os cadáveres para longe na cidade. [[Barristan Selmy|Barristan]] anda pelo mercado da praça, recordando quando [[Daenerys Targaryen|Daenerys]] [[cerco de Meereen|tomou Meereen]]. O mercado tornou-se novamente uma cena de carnificina, desta vez por conta da [[égua descorada]].
  
Ele monta a [[prata]] de Daenerys, esperando que a presença do [[cavalo]] inspire os guerreiros de Meereen a serem corajosos, já que Daenerys se foi. Além disso, Barristan sabe que o cavalo se acostumou à presença de seus [[dragões]], que agora estão soltos na cidade. [[Tumco Lho]], [[Larraq, o Chicote]] e o [[Cordeiro Vermelho]] cavalgam com Selmy, carregando os estandartes da [[Guarda Real]] da [[Casa Targaryen]], e um chifre de guerra para soar comandos. Os [[Corvos Tormentosos]] e cinco mil [[Imaculados]] também se reuniram. Até mesmo os últimos [[Dothraki]] que permanecem em Meereen vieram lutar, e Barristan se surpreende ao ver muitos [[lutadores de arena]] terem se reunido no mercado da praça também. Eles sempre amaram [[Hizdahr zo Loraq]] mais do que Daenerys, mas parece que a liberdade significa algo para eles, afinal.
+
Ele monta a [[prata]] de Daenerys, esperando que a presença do [[cavalo]] inspire os guerreiros de Meereen a serem corajosos, já que Daenerys se foi. Além disso, Barristan sabe que o cavalo se acostumou à presença de seus [[dragões]], que agora estão soltos na cidade. [[Tumco Lho]], [[Larraq, o Chicote]] e o [[Ovelha Vermelha]] cavalgam com Selmy, carregando os estandartes da [[Guarda Real]] da [[Casa Targaryen]], e um chifre de guerra para soar comandos. Os [[Corvos Tormentosos]] e cinco mil [[Imaculados]] também se reuniram. Até mesmo os últimos [[Dothraki]] que permanecem em Meereen vieram lutar, e Barristan se surpreende ao ver muitos [[lutadores de arena]] terem se reunido no mercado da praça também. Eles sempre amaram [[Hizdahr zo Loraq]] mais do que Daenerys, mas parece que a liberdade significa algo para eles, afinal.
  
 
As Bestas de bronze comandam as muralhas da cidade para liberar o máximo de Imaculados possível. Barristan reflete que se eles perderem a batalha, será [[Skahaz mo Kandaq]] e seus homens que terão que segurar Meereen contra Yunkai até o retorno de Daenerys. Em cada portão uma força se reúne, com os [[Escudos Robustos]] no portão leste, os [[Homens da Mãe]] no portão sul, e os [[Irmãos Livres]] com [[Symon Costas-Listradas]] no portão norte. Barristan está certo de que os yunkaítas têm mais homens do que eles, e ele sente que esse ataque que está planejando vai contra seus instintos. Os planos de Barristan dependem da cobiça do [[Príncipe Esfarrapado]].
 
As Bestas de bronze comandam as muralhas da cidade para liberar o máximo de Imaculados possível. Barristan reflete que se eles perderem a batalha, será [[Skahaz mo Kandaq]] e seus homens que terão que segurar Meereen contra Yunkai até o retorno de Daenerys. Em cada portão uma força se reúne, com os [[Escudos Robustos]] no portão leste, os [[Homens da Mãe]] no portão sul, e os [[Irmãos Livres]] com [[Symon Costas-Listradas]] no portão norte. Barristan está certo de que os yunkaítas têm mais homens do que eles, e ele sente que esse ataque que está planejando vai contra seus instintos. Os planos de Barristan dependem da cobiça do [[Príncipe Esfarrapado]].
Linha 32: Linha 32:
 
*[[Tumco Lho]]
 
*[[Tumco Lho]]
 
*[[Larraq]]
 
*[[Larraq]]
*O [[Cordeiro Vermelho]]
+
*[[Ovelha Vermelha]]
 
*[[Imaculados]]
 
*[[Imaculados]]
 
*[[Verme Cinzento]]
 
*[[Verme Cinzento]]

Edição das 00h13min de 8 de julho de 2019


Barristan I
Capítulo de Os Ventos de Inverno
SemCapa.png
PDVBarristan Selmy
LocalMeereen, Essos
PáginaPT-BR Leya (Outras versões)
Cronologia dos capítulos (Todos)
A Mão da Rainha
A Dança dos Dragões
 ← Barristan I → 

Barristan Selmy supervisiona os últimos preparativos antes que as tropas de Meereen ataquem os exércitos de Yunkai.[1]

Resumo

As tropas yunkaítas estão atirando homens mortos em Meereen usando seis trabucos, mas apesar de seu tamanho, os trabucos não conseguem levar os cadáveres para longe na cidade. Barristan anda pelo mercado da praça, recordando quando Daenerys tomou Meereen. O mercado tornou-se novamente uma cena de carnificina, desta vez por conta da égua descorada.

Ele monta a prata de Daenerys, esperando que a presença do cavalo inspire os guerreiros de Meereen a serem corajosos, já que Daenerys se foi. Além disso, Barristan sabe que o cavalo se acostumou à presença de seus dragões, que agora estão soltos na cidade. Tumco Lho, Larraq, o Chicote e o Ovelha Vermelha cavalgam com Selmy, carregando os estandartes da Guarda Real da Casa Targaryen, e um chifre de guerra para soar comandos. Os Corvos Tormentosos e cinco mil Imaculados também se reuniram. Até mesmo os últimos Dothraki que permanecem em Meereen vieram lutar, e Barristan se surpreende ao ver muitos lutadores de arena terem se reunido no mercado da praça também. Eles sempre amaram Hizdahr zo Loraq mais do que Daenerys, mas parece que a liberdade significa algo para eles, afinal.

As Bestas de bronze comandam as muralhas da cidade para liberar o máximo de Imaculados possível. Barristan reflete que se eles perderem a batalha, será Skahaz mo Kandaq e seus homens que terão que segurar Meereen contra Yunkai até o retorno de Daenerys. Em cada portão uma força se reúne, com os Escudos Robustos no portão leste, os Homens da Mãe no portão sul, e os Irmãos Livres com Symon Costas-Listradas no portão norte. Barristan está certo de que os yunkaítas têm mais homens do que eles, e ele sente que esse ataque que está planejando vai contra seus instintos. Os planos de Barristan dependem da cobiça do Príncipe Esfarrapado.

Barristan faz um discurso aos homens reunidos na praça. Ele repete seus planos para todos ouvirem, e reflete que se ele cair, Jokin terá o comando, e Verme Cinzento depois dele. A percepção de que alguns dos homens temem mais a égua descorada do que temem que o inimigo faz Barristan falar mais uma vez a seus escudeiros, sobre como cada guerreiro sente medo antes da batalha. Ele admite que eles são muito poucos para vencer a batalha, e seu objetivo é criar o caos para que os Imaculados tenham tempo suficiente para formar uma parede de lanças. Ele é interrompido quando a harpia em cima da Grande Pirâmide de Meereen lança fogo, um sinal que havia combinado com seus homens. A ponte levadiça sobe, e Barristan veste seu elmo, pronto para a batalha.

Lista de Personagens

Aparecem:

Mencionados:

Lugares e Termos Mencionados

Lugares:

Termos:


Notas e Referências

  1. Os Ventos de Inverno, Capítulo da amostra de Barristan, disponibilizado na edição americana em brochura de A Dança dos Dragões em 29 de Outubro, 2013