Meria Martell

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Martell.png
Meria Martell
Martell.png
Meria Martell Magali Villeneuve.jpg
Sapo Amarelo de Dorne, arte encontrada em O Mundo de Gelo e Fogo, por Magali Villeneuve.
Informações biográficas
Apelido(s) "Sapo Amarelo de Dorne"
Títulos Princesa de Dorne
Senhora de Lançassolar
Nascimento -82 d.C. ou -81 d.C.[1]
Morte 13 d.C.[2]
Família
Casa Real Casa Martell
Herdeiro Nymor Martell
Sucessor Nymor Martell
Outros livros
Mencionada
Mencionada

Meria Nymeros Martell[N 1] foi a Princesa de Dorne e chefe da Casa Martell desde décadas antes da conquista Targaryen de Westeros por Aegon I.[3]

Ela ficou conhecida como o símbolo da resistência do seu povo contra a invasão Targaryen. Ela resistiu novamente na Primeira Guerra Dornesa. Quando ela faleceu, seu herdeiro, Nymor Martell, começou a negociar a paz com o restante dos Sete Reinos.[4][2]

Aparência e personalidade

Na época da Guerra da Conquista Meria tinha cerca de oitenta anos, era gorda, cega e quase careca. O Rei da Tempestade, Argilac Durrandon, apelidou-a de Sapo Amarelo de Dorne. [3]

Reinado

A Conquista de Aegon

Artigo principal: A Conquista de Aegon

Quando o rei Aegon I Targaryen enviou corvos para todos os governantes de Westeros, exigindo que eles se rendessem a ele como único rei em Westeros e fossem recompensados ou destruídos, Meria respondeu que seria sua aliada contra o Rei da Tempestade - mas não se submeteria.[3]

Quando a Rainha Rhaenys Targaryen liderou a invasão a Dorne durante a Guerra da Conquista, os dorneses se recusaram a dar batalha. Em vez disso, lançavam ataques de guerrilha contra as forças de Rhaenys, então desapareciam nas montanhas e desertos, e retornavam apenas para lançar novos ataques de guerrilha contra o exército novamente. Após tomar alguma forteleza dornesa, Rhaenys as encontraria vazias, apenas com mulheres e crianças. Quando ela perguntava para onde os homens tinham ido, as dornesas apenas respondiam "embora". Rhaenys então voou em seu dragão, Meraxes, para Lançassolar e encontrou a Princesa Meria sozinha lá. Rhaenys exigiu a rendição de Dorne, mas Meria respondeu que Dorne nunca se renderia. O exército Targaryen então retirou-se de Dorne, deixando o país intocado.[3]

A Primeira Guerra Dornesa

Artigo principal: Primeira Guerra Dornesa

Enquanto Dorne permaneceu invicta durante a Conquista, o Rei Aegon I não esqueceu. Em 4 d.C., ele lançou uma nova campanha contra Dorne, que duraria muitos anos. Durante esta Primeira Guerra Dornesa, em vez de permanecer em Lançassolar, Meria e todos os outros senhores dorneses, fugiram de seus castelos, simplesmente entregando-os. Não demorou muito para que as forças Targaryen alcançassem Lançassolar, encontrassem-na vazia e se declarassem vitoriosas. Lorde Jon Rosby foi empossado como o castelão e Protetor das Areias, Lorde Harlan Tyrell foi encarregado de reprimir quaisquer revoltas, e assim os Targaryen deixaram Dorne e voltaram para Porto Real.

Os dorneses não se renderam, entretanto. Eles enxamearam da cidade das sombras e retomaram o castelo, e assim que Lorde Rosby foi amarrado pelos pés e mãos, ele foi arrastado para o topo da Torre da Lança. A própria princesa Meria o jogou pela janela, no que ficou conhecido como Defenestração de Lançassolar.[2] Em uma tentativa de retomar Lançassolar de Meria e suas forças, Lorde Harlan Tyrell partiu da Toca do Inferno para tomar o castelo de Vaith e então Lançassolar, mas ele desapareceu nos desertos de Dorne, para nunca ser encontrado novamente, em 5 d.C..[4][2]

A guerra em Dorne continuou, e Meria finalmente faleceu, em 13 d.C. Seu filho, o príncipe Nymor, assumiu o controle e imediatamente começou a negociar a paz.[2]

Família

 
Meria
 
Esposo
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Nymor
 
Esposa
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Deria
 


Citações


Meria: Não lutarei com você, nem me ajoelharei para você. Dorne não tem rei. Diga isso ao seu irmão.

Rhaenys: Direi, mas voltaremos, princesa, e da próxima vez viremos com fogo e sangue.
Meria: Seu lema. O nosso é Insubmissos, não curvados, não quebrados. Você pode nos queimar, minha senhora... mas não nos curvará, não nos quebrará e não nos fará submeter. Isto é Dorne. Vocês não são bem-vindos aqui. Voltem por conta e risco.[3]

—— Meria e Rhaenys Targaryen

Notas

  1. Notas tiradas de leituras antes do lançamento de O Mundo de Gelo e Fogo listavam o nome dela incorretamente como Mirram Martell (So Spake Martin: Chicon 7 Reading (September 02, 2012)) e Mariya Martell (Wertzone: The Full Story of the Targaryen Conquest (September 04, 2012)).

Referências

  1. Veja o cálculo de Meria Martell.
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 2,4 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Sete Reinos: Dorne, Dorne contra os Dragões.
  3. 3,0 3,1 3,2 3,3 3,4 O Mundo de Gelo e Fogo, O Reinado dos Dragões: A Conquista.
  4. 4,0 4,1 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Sete Reinos: A Campina, Casa Tyrell.

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Meria Martell, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.