Murmison

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Estrela da Fé.png
Murmison
Estrela da Fé.png
Título(s) Septão
Mão do Rei
Lealdade Fé dos Sete
Casa Targaryen
Morte Em 41 d.C., em Porto Real
Mencionado
Outros livros
Mencionado
Mencionado
Mencionado

Murmison foi um septão que se tornou um membro renomado da , tornando-se Mão do Rei de 39 d.C. a 41 d.C. para o Rei Aenys I Targaryen.[1] Ele agora é usado como exemplo.[2]

História

Murmison foi nomeado Mão do Rei por Aenys I Targaryen como uma forma de tentar apaziguar a Fé dos Sete e o Alto Septão. A Fé ficou furiosa quando o irmão de Aenys, Príncipe Maegor, tomou uma segunda esposa, Alys Harroway, argumentando que Ceryse Hightower, sua primeira esposa, era estéril.[3] Aenys tentou aplacar a Fé retirando Maegor de sua própria posição como Mão e enviando-o para o exílio em Pentos. Mas nem mesmo a nomeação do reputado milagreiro Murmison poderia reparar a brecha com a fé.[3][1]

Aenys fazia Murmison colocar as mãos na barriga de Lady Ceryse todas as noites, na esperança de que o príncipe Maegor se arrependesse se sua legítima esposa se tornasse fértil. No entanto, Murmison só teve sucesso em fazer Ceryse se cansar do ritual noturno e ela partiu de Porto Real para Vilavelha.[3]

Aenys enfureceu a fé ainda mais em 41 d.C. quando se casou com sua filha, a Princesa Rhaena, com seu filho e herdeiro, Príncipe Aegon, e foi denunciado como "Rei Abominação". Lordes devotos, e até mesmo os plebeus que uma vez amaram Aenys se voltaram contra ele.

Murmison foi expulso da fé por realizar o casamento incestouoso de Aegon e Rhaena, e mais tarde foi dilacerado por um grupo de pobres companheiros em uma liteira duas semanas depois de realizar a cerimônia.[3] A revolta da Fé Militante começa a partir daqui.[1]

Eventos Recentes

A Tormenta de Espadas

Lorde Davos Seaworth, agora Mão do Rei para Stannis Baratheon, está preocupado por ter se afastado muito de sua origem humilde. Quando Davos sugere que a Mão deve ser alguém sábio e erudito, Meistre Pylos o lembra que o milagreiro Murmison foi uma Mão malsucedida.[2]

Citações sobre Murmison


As preces do Septão Murmison faziam milagres, mas como Mão rapidamente conseguiu pôr o reino em peso a rezar por sua morte.[2]
—— Pylos para Davos Seaworth

Referências