Ambrose Butterwell

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Butterwell.png
Ambrose Butterwell
Butterwell.png
Ambrose Butterwell.jpg
Lorde e Lady Butterwell com Lorde Frey, e o bebê Walder Frey, por Gary Gianni.
Apelido(s) Velho Sangue de Leite
Senhor das vacas
Lorde "Butterbutt" [N 1]
Título(s) Senhor de Alvasparedes
Mestre da moeda
Mão do Rei
Lealdade Casa Butterwell
Casa Targaryen
Casa Blackfyre
Cultura Homens dos Rios
Esposa(o) 1ª: Desconhecida
2ª: Lady Frey
Filho(a) 3 Sons
3 Daughters
Nascimento Em 161 d.C. or 162 d.C.[1]
Mencionado
Mencionado
Aparece
Outros livros
Mencionado

Ambrose Butterwell foi Senhor de Alvasparedes e chefe da Casa Butterwell durante os reinados dos reis Aegon IV,[2] Daeron II,[3] e Aerys I Targaryen.[2] Ele serviu como mestre da moeda para Aegon IV[2] e mais tarde como Mão do Rei para Daeron II.[3]

Aparência e Personalidade

Ele tinha aproximadamente cinquenta anos quando se casou com sua segunda esposa, filha do Lorde Frey da Travessia. Ele tinha papadas pesadas e cabelo fino e louro.[2]

A história considera que um Lorde Butterwell era conhecido por sua inteligência, mas considerado um fracasso como Mão.[4] Trata-se, prossivelmente, do avô de Ambrose, que também serviu ao Trono de Ferro.

História

Lorde Ambrose foi mestre da moeda para o Rei Aegon IV Targaryen.[2] Ele foi elevado a Mão do Rei pelo sucessor de Aegon, Rei Daeron II, por um curto período de tempo, mas sua capacidade de liderar foi questionada quando sua tentativa de lidar com o surgimento da Rebelião Blackfyre falhou miseravelmente.[3] Ele foi substituído por Lorde Hayford.[3] Durante a Primeira Rebelião Blackfyre, Butterwell tentou manter um pé em cada acampamento. Ele enviou seu filho mais velho para lutar pelo Rei Daeron II e seu segundo filho para lutar por Daemon Blackfyre.[2] Ambos morreram na Batalha do Campo do Capim Vermelho, e seu filho mais novo morreu da Grande Praga da Primavera.[2]

Lorde Ambrose organizou o torneio de Alvasparedes para celebrar seu casamento com uma filha da Casa Frey, mas o torneio também foi secretamente uma tentativa de fomentar a Segunda Rebelião Blackfyre em nome de Daemon II Blackfyre. O vencedor receberia o ovo de dragão que foi dado ao avô de Butterwell pelo Rei Aegon IV Targaryen. No entanto, o ovo foi roubado antes que pudesse ser concedido. Depois que o escudeiro Egg (Príncipe Aegon Targaryen disfarçado) tentou enviar uma mensagem para seu pai, o Príncipe Maekar Targaryen e tentou usar o anel de seu pai para persuadir um meistre, ele foi apresentado a Lorde Ambrose. Aegon blefou alegando que ele era um espião e que um exército estava chegando. Com isso, Ambrose retratou sua lealdade à Casa Blackfyre e fugiu com Lorde Frey. No entanto, antes que ele pudesse ir longe, Lorde Brynden Rivers apareceu com um exército e pôs fim à rebelião nascente. Lorde Ambrose perdeu seu castelo de Alvasparedes (que foi arrasado e a terra salgada), e foi autorizado a manter apenas um décimo da fortuna de sua casa, junto com sua cabeça.[2]

Família

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Lorde
Butterwell
 
Esposa
Desconhecida
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Esposa
Desconhecida
 
Filho
 
3 Filhas
 
Aegon IV
Targaryen
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Lady Frey
 
Ambrose
 
1ª Esposa
Desconhecida
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3 Filhos
 
Filha
Mais Velha
 
Tommard
Heddle
 
Filhas
 
Lorde Risley
 
Filhas
 
Lorde
Costayne
 
 
 
 

Notas

  1. Nas edições de O Cavaleiro dos Sete Reinos da editora LEYA, o termo Butterbutt, que seria um apelido, não é traduzido. A editora inclusive escolhe manter o nome Butterwell.

Referências