Pedravelhas

De Gelo e Fogo wiki
(Redirecionado de Pedrasvelhas)
Ir para: navegação, pesquisa
Pedravelhas
Ruínas de Castelo
Pedrasvelhas.png
A tumba de Tristifer em Pedravelhas
Pedravelhas is located in Terras Fluviais
Pedravelhas

Localização de Pedravelhas nas Terras Fluviais
Localização Terras Fluviais, Westeros
Governo Casa Mudd Mudd de Pedrasvelhas.png
Religião Deuses Antigos
Nomeado(a) por suas muralhas em ruínas

Pedravelhas é o nome dado às ruínas do antigo castelo sede da Casa Mudd nas Terras Fluviais. Seu nome original está perdido à anos, originando assim seu nome atual.

Sobre

A fortaleza em ruínas fica em uma colina acima próxima ao Ramo Azul do Tridente. Nada além de seus fundamentos permanecem o túmulo do antigo Rei dos Rios e das Colinas, Tristifer IV Mudd. A muralha de Pedravelhas dava a volta na colina, como a coroa na cabeça de um rei. No entanto, apenas as fundações ainda permanecem e algumas estacas à altura da cintura, manchadas de líquen.

Sob as ruínas do castelo, as encostas mais baixas do morro são densamente florestadas. Há tejos, samambaias, cardos, carriços e amoreiras entre pinheiros e árvores sentinelas cinza-esverdeadas.

A estrada até Pedravelhas faz duas voltas ao redor da colina antes de chegar ao cume[1].

O Túmulo

No centro do que uma vez teria sido pátio do castelo, um grande e esculpido túmulo ainda repousa, meio escondido na alta grama marrom entre um grupo de árvores. O sepulcro sepulta Tristifer, o Quarto de Seu Nome, Rei dos Rios e das Colinas.

A tampa do sepulcro foi esculpida em sua semelhança, cujos ossos se encontram guardados, mas a chuva e o vento há muito já o tem desgastado. Catelyn e Robb podem ver que o rei usava barba, mas por outro lado o seu rosto é suave e inexpressivo, com apenas as vagas sugestões de uma boca, um nariz, os olhos e a coroa sobre as têmporas.

As mãos do rei estão dobradas sobre o eixo de um martelo de guerra de pedra que fica em cima de seu peito. O martelo teria sido esculpido com runas que contavam seu nome e história, mas as runas foram gastas há anos. A pedra em si está rachado e em ruínas nos cantos e sem cor aqui e ali, espalhado por manchas brancas de líquen, enquanto rosas selvagens rastejam ascendentemente, sobre os pés do rei quase até o peito[2].

Referências