Lyonel Baratheon

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Baratheon de Ponta Tempestade.png
Lyonel Baratheon
Baratheon de Ponta Tempestade.png
Lyonel Baratheon Amoka.jpg
Apelido(s) "O Tempestade Risonha"
Título Sor
Senhor de Ponta Tempestade
Senhor das Terras da Tempestade
Rei da Tempestade (reivindicado rapidamente)
Lealdade Casa Baratheon
Morte Em entre 239 d.C. e 245 d.C.
Aparece
Outros livros
Mencionado

Lyonel Baratheon, conhecido como Tempestade Risonha, foi um cavaleiro da Casa Baratheon durante o reinado de Daeron II Targaryen.[1] Ele eventualmente se tornou lorde de Ponta Tempestade e chefe de sua Casa. Lyonel tinha uma filha. Seu herdeiro era Ormund Baratheon.[2]

Aparência e características

Veja também: Imagens de Lyonel Baratheon

Sor Lyonel Baratheon era um homem imponente e muito alto, sendo uma cabeça mais alto que Sor Raymun Fossoway e quase da mesma altura de Sor Duncan, o Alto.[1] Ele costuma usar seu casaco de samito que ostenta o veado coroado da Casa Baratheon e seu elmo ostenta um par de magníficos chifres de ferro. [1]

Sor Lyonel é considerado um homem gigante e também um dos maiores guerreiros de sua época, [2] já que era famoso por suas proezas em batalha. [3]

Sor Lyonel é considerado arrogante[2] e durante as batalhas e torneios soltava sonoras e audíveis risadas que trovoavam quase tão forte quanto os golpes em seus adversários.[1] Ele também era bastante orgulhoso, já que não era o tipo de homem que se satisfazia com facilidade quando seu orgulho era ferido. [3] No entanto, ele também era um homem fiel aos seus amigos e as pessoas que conquistam seu respeito, já que sempre esteve entre os mais leias amigos e apoiados do Rei Aegon V Targaryen [2] desde que este era apenas um garoto e o convenceu a ajudar Sor Duncan durante o Julgamento de Sete em Vaufreixo.[1] Essa amizade durou até Duncan Targaryen, Filho de Aegon, quebrar seus votos e trazer desonra a Casa Baratheon.[3][2]

História

Lyonel lutando no torneio de Vaufreixo, por Fantasy Flight Games ©
Lyonel Baratheon, por Тхе Мичо ©
Sor Duncan, o Alto, enfrentando o Lorde Lyonel Baratheon em um julgamento por combate.

Torneio de Vaufreixo

Sor Lyonel participou do torneio de Vaufreixo. Na primeira justa ele desafiou Sor Robert Ashford. Após quebrar nove lanças, ambos caíram do cavalo e partiram para luta de espadas. Robert acabou admitindo a derrota e Lyonel se tornou o campeão.[1]

Lyonel travou combates contra vários adversários no torneio, normalmente caindo em uma grande risada quando eles tocavam seu escudo. Se o desafiante usasse algum tipo de adereço aparente no capacete, Lyonel tirava isso e atirava na multidão.[1] Graças a influência Egg, Sor Lyonel se junta a causa de Sor Duncan, o Alto, no julgamento de Sete, fazendo cavaleiro Raymun Fossoway pouco antes de começar o combate.[1]

Durante o combate ele cavalgou ao lado de Sor Duncan e o Príncipe Baelor Targaryen e permaneceu em pé e lutando até o fim do combate quando Aerion Targaryen se rendeu. Até este momento muitos outros guerreiros já haviam caído, dentre eles 2 dos 3 membros da Guarda Real, porém Sor Lyonel, Príncipe Maekar, Príncipe Baelor Targaryen e alguns outros ainda estavam em pé.[1]

Lorde de Ponta Tempestade

Lyonel era um leal apoiador e amigo do rei Aegon V Targaryen enquanto ele era senhor de Ponta Tempestade. Então o rei decidiu oferecer seu filho mais velho e herdeiro, o príncipe Duncan Targaryen, para se casar com a filha de Lyonel.[3][2]

O príncipe Duncan, contudo, quebrou o comprometimento e se casou com Jenny de Pedravelhas, uma mulher que ele realmente amava. Isso enraiveceu o Lorde Lyonel, que sentiu que a honra da Casa Baratheon foi insultada. Ele renunciou sua vassalagem ao Trono de Ferro e se declarou o novo Rei da Tempestade. Uma curta rebelião se seguiu, que terminou com Lyonel dobrando o joelho perante Sor Duncan da Guarda Real durante um julgamento por combate.[2]

O príncipe Duncan acabou renunciando seu direito ao trono e o rei Aegon V concordou em casar sua filha mais nova, a princesa Rhaelle Targaryen, com o herdeiro de Lyonel, Ormund Baratheon.[3][2]

Citações

Citações de Lyonel Baratheon

Duncan: Sor Lyonel, não tenho como agradecer o suficiente por ter vindo, nem a Sor Steffon por trazê-lo.

Lyonnel: Sor Steffon? Foi seu escudeiro quem foi atrás de mim. O menino Aegon. Meu rapaz tentou mandá-lo embora, mas ele passou por baixo de suas pernas e jogou um jarro de vinho na minha cabeça. Não há um julgamento de sete há mais de cem anos, sabia disso? Eu não ia perder uma oportunidade de lutar contra os cavaleiros da Guarda Real e, ao mesmo tempo, torcer o nariz do Príncipe Maekar.[1]

— Sor Lyonel toma o partido de Sor Duncan

Citações sobre Lyonel Baratheon

Uma cabeça mais alto do que Sor Raymun e quase da mesma altura de Dunk, Sor Lyonel usava um casaco de samito que ostentava o veado coroado da Casa Baratheon e carregava seu elmo com chifres embaixo do braço.[1]
— Sor Duncan
Tempestade Risonha brilhava em samito, com um veado negro no peito, um escudo e um par de chifres de ferro no elmo.[1]
— Sor Duncan
O pai da garota rejeitada, Lorde Lyonel Baratheon de Ponta Tempestade, conhecido como Tempestade Risonha e famoso por suas proezas em batalha, não era um homem que se satisfazia com facilidade quando seu orgulho era ferido. [3]
— Trecho do O Mundo de Gelo e Fogo
Conforme os anos se passaram, e rei após rei assumiu o Trono de Ferro, esses antigos desentendimentos foram esquecidos, e os Baratheon voltaram a servir à coroa fielmente mais uma vez... até que os próprios Targaryen colocaram essa lealdade em teste. Isso ocorreu durante o reinado do rei Aegon V Targaryen (conhecido na história como Aegon, o Improvável), quando o Senhor de Ponta Tempestade era Lyonel Baratheon, um homem gigante e arrogante conhecido como Tempestade Risonha, um dos maiores guerreiros de sua época. [2]
— Trecho do O Mundo de Gelo e Fogo

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Lyonel Baratheon, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências