Ações

Torneio em Honra do Nascimento de Viserys

O Torneio em Honra do Nascimento de Viserys foi um grande torneio em Lanisporto em 276 d.C.. Foi oferecido por Lorde Tywin Lannister em honra do nascimento do Príncipe Viserys Targaryen[1] e para das boas vindas ao Rei Aerys II Targaryen às Terras Ocidentais.[2] Aerys inicialmente não queria comparecer, mas eventualmente cedeu; Rainha Rhaella Targaryen e o recém-nascido Viserys permaneceram em Porto Real, no entanto.[1] Histórias contam que estandes haviam sido levantados junto às muralhas de Lanisporto, enquanto a torcida do povo ecoava por Rochedo Casterly como um trovão.[2]

História

Com dez anos de idade na época, Cersei Lannister ficou enamorada quando viu o príncipe herdeiro de dezessete anos de idade, Rhaegar Targaryen, recém feito cavaleiro. Rhaegar derrotou dois dos tios de Cersei e uma duzia dos melhores cavaleiros de Lorde Tywin durante as justas, antes de ser derrotado por Sor Arthur Dayne da Guarda Real. Naquela noite, o som da harpa Rhaegar fez Cersei chorar.

Lady Genna Lannister confidenciou à sua sobrinha, Cersei, que a menina seria prometida ao Príncipe Rhaegar durante banquete, para encerrar o torneio. Cersei, então muito feliz, visitou a tenda de Maggy a Rã com suas amigas, Jeyne Farman e Melara Hetherspoon. No entanto, não houve celebração; Aerys rejeitou a oferta de Tywin, pois considerava Tywin, sua Mão do Rei, um servo. Cersei foi deixada em lágrimas, e a tensão entre Aerys e Tywin aumentou.[2]

Justas

Frases

Eles torceram por seu pai duas vezes mais alto que pelo rei, mas isso foi apenas a metade de tão alto quanto torceram por Rhaegar.[2]

- pensamentos de Cersei Lannister


Você é meu mais fiel servo, Tywin, mas um homem não casa seu herdeiro com a filha de seu servo.[2]

- Rei Aerys II Targaryen para Lorde Tywin Lannister

Notas e Referências