George Graceford

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Graceford.png
George Graceford
Minigdn.png
Título(s) Lorde de Solarsagrado[1]
Lorde Confessor
Lealdade Casa Graceford
Verdes
Estrepes
Patrulha da Noite
Cultura Campina
Livros Históricos
Mencionado

George Graceford foi o Senhor de Solarsagrado e chefe da Casa Graceford durante a Dança dos Dragões. Mais tarde, ele foi nomeado Lorde Confessor durante a a regência do Rei Aegon III Targaryen.

Personalidade

De acordo com Cogumelo, George era cruel, mas não inteligente.[2]

História

Durante a Dança dos Dragões, George era um membro dos Estrepes, um grupo de treze nobres que conspiraram para matar os desrespeitosos Dois Traidores.[1]

Quando Lorde Unwin Peake chegou ao poder como Mão do Rei, Lord eGraceford e Sor Victor Risley eram os únicos outros membros dos Estrepes ainda vivos. Como apoiador de Lorde Peake, George foi empossado como Lorde Confessor.[1] De acordo com Cogumelo, Lorde Graceford e Clarice Osgrey eram amantes. Ele afirma que ela era estimulada sexualmente com tortura, e às vezes se juntou ao Lorde Confessor nas masmorras para ajudá-lo em seu trabalho.[2]

Após uma tentativa de envenenamento da Rainha Daenaera Velaryon, uma dúzia de cozinheiras, padeiros, ajudantes de mesa e serventes foram entregues à custódia do Lorde Confessor. Sete confessaram ter conspirado para envenenar o menino rei Aegon III Targaryen, mas cada relato diferia quanto ao prato envenenado e a origem do veneno, e assim Lorde Thaddeus Rowan rejeitou essas confissões.[2]

Em meio à Primavera Lysena em 135 d.C., Lorde Rowan foi torturado por George, por alegadamente ter conspirado a matar o rei. Quando Thaddeus, completamente machucado, foi levado à corte, ele nada dizia, a menos que Lorde Graceford o espetasse com uma adaga. No entanto, o Rei Aegon III questionou Lorde Rowan, fazendo-o confessar que o próprio Aegon era parte da trama, e que Lorde Rowan havia matado Rei Viserys I Targaryen. George ficou muito aborrecido com o fato de a confissão de Rowan ter sido provada não confiável pelo rei. O rei então ordenou que o Senhor Confessor fosse preso, pois ele havia cometido traição ao forçar uma falsa confissão da Mão.[2]

À simples visão de instrumentos de tortura, Lorde Graceford revelou os conspiradores, incluindo muitos outros partidários de Lorde Peake. Tessario o Tigre entregou Lorde Graceford sob sua própria tortura. O julgamento de George foi um, de três julgamentos do conspiradores, aos quais o rei compareceu. George optou por vestir o negro, em vez de ser executado. Meistre Rowley substituiu-o como Lorde Confessor em 136 d.C..[2]

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 Fogo & Sangue, Sob os regentes: Guerra e paz e exposição de gado.
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 2,4 Fogo & Sangue, A Primavera Lysena e o fim da regência.


Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em George Graceford, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.