Ações

Estrepes

As Estrepes foram treze nobres da Campina que planejaram matar os Dois Traidores durante a Dança dos Dragões. Eles eram chamados Estrepes por causa da hospedaria em Tumbleton, chamada Estrepe Sangrento, onde eles se encontraram para conspirar.[1]

História

Nas Traições de Tumbleton, Ulf, o Branco e Hugh Martelo mudaram de lado, dos negros para os verdes e fizeram os dragões Silverwing e Vermithor queimarem a cidade de Tumbleton. Enquanto os comandantes dos verdes se reagrupavam em Tumbleton e planejavam como tirar Porto Real de posse dos negros, Ulf e Hugh se mostraram difíceis de lidar. Ulf desejava ter Jardim de Cima, enquanto Hugh tinha planos para reivindicar o Trono de Ferro. Hugh usava uma coroa de ferro negra, enraivecendo o príncipe Daeron Targaryen. Sor Roger Corne derrubou a coroa, o que levou Hugh a pregar três ferraduras no crânio de Roger, em vingança. Os partidários de Corne tentaram intervir, resultando em três mortos e doze feridos.

O entusiasmado Lorde Unwin Peake e o relutante Hobert Hightower então reuniram onze outros senhores e desembarcaram cavaleiros no porão de uma hospedaria de Tumbleton chamada Estrepe Sangrento. Eles debateram sobre como e quando matar os Dois Traidores. O bêbado Ulf seria um alvo mais fácil, mas Hugh era protegido por lacaios. Depois de muita deliberação, eles decidiram matar os dois, e reivindicar seus dragões enquanto estavivessem em Tumbleton. O Príncipe Daeron foi levado ao porão por Lorde Owen Fossoway e recebeu mandados para a execução dos Dois Traidores por Lorde Peake. Daeron afixou ansiosamente seu selo.

As Estrepes planejavam que o golpe contra Ulf e Hugh, ocorresse dois dias mais tarde. No entanto, o exército dos verdes foi surpreendido naquele dia, com um ataque de Sor Addam Velaryon, começando a Segunda Batalha de Tumbleton. Ulf dormiu durante a batalha, mas Hugh correu para os estábulos para poder cavalgar até Vermithor. No entanto, Hugh foi cortado ali mesmo por Sor Jon Roxton. Apesar de empunhar a lendária Fazedora de Órfãos, Jon foi morto pelos homens de Hugh. Oito das Estrepes estavam mortos no final do Segundo Tumbleton, incluindo Owen Fossoway, Marq Ambrose e Jon Roxton. Richard Rodden morreu de suas feridas no dia seguinte, deixando apenas quatro conspiradores. No entanto, estes incluíram os líderes, Unwin Peake e Hobert Hightower.

Na manhã seguinte, após a Segunda Batalha de Tumbleton, Hobert Hightower reuniu-se com Ulf para planejar o ataque a Porto Real e forneceu dois barris de vinho, um tinto Dornês, e um Dourado da Árvore, que estava envenenado. Hobert esperava beber o tinto, enquanto Ulf beberia o dourado. No entanto, Ulf suspeitou do comportamento de Hobert e pediu que o tinto fosse salvo para mais tarde. Em vez de abandonar os ideais das Estrepes sobreviventes, Hobert decidiu beber o dourado envenenado com Ulf, e a bebida matou os dois. Após a morte de Ulf, Lord Peake não conseguiu encontrar um cavaleiro de dragão para Silverwing, e decidiu liderar o (agora dimunuído) exército de verdes para longe de Tumbleton e de volta para o coração da Campina.[1]

Membros

Referências