Hugh

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Hugh do Vale.png
Hugh
Hugh do Vale.png
Hugh Тхе Мичо.jpg
Hugh por Тхе Мичо©
Apelido(s) Hugh do Vale
Título Sor
Lealdade Casa Arryn
Cultura Vale
Morte Em 298 d.C., em Porto Real
Aparece
Mencionado

Hugh-do Vale.png

Sor Hugh, também conhecido como Hugh do Vale, foi escudeiro de Lorde Jon Arryn e um Cavaleiro após sua morte.

Aparência e características

Hugh tem feições rudemente talhadas, não é bonito,[1] é brusco e arrogante.[2] Ele usa uma armadura brilhante de tão nova, simples, mas boa, que vale uma boa quantia em prata e também usa um manto azul da cor do céu num dia límpido de verão, ornamentado com uma borda de luas crescentes.[3][1]

História

Hugh foi escudeiro de Lorde Jon Arryn por quatro anos. Ele desejava desesperadamente se tornar um cavaleiro. Quando Lorde Jon Arryn morreu, o Rei Robert Baratheon o armou cavaleiro em homenagem a Jon pouco antes de deixar Porto Real e ir para o Norte convidar Lorde Eddard Stark para o cargo de Mão do Rei.

Sor Hugh permaneceu em Porto Real, mesmo depois da Senhora Lysa Arryn retornar para o Vale.[4] Ele não tinha ninguém que fosse próximo dele, exceto a mãe no Vale.[1]

Eventos Recentes

Info Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).

A Guerra dos Tronos

Quando o Lorde Eddard Stark reclama a Petyr Baelish que sua investigação sobre a morte de Jon Arryn é dificultada pelo fato de que Lysa Arryn levou a maior parte de sua casa de volta para o Vale, Petyr diz a ele que, entre outros, o escudeiro de Jon ainda está em Porto Real, um garoto recém nomeado Cavaleiro chamado Sor Hugh do Vale. Advertindo que Eddard é vigiado por espiões do Senhor Varys e da Rainha Cersei Lannister, Petyr aconselha a nova Mão do Rei a enviar alguém em quem ele confia para questionar Sor Hugh, em vez de ir pessoalmente.[4] Lorde Eddard Stark envia Jory Cassel , capitão da guarda pessoal de Ned, para conversar com Sor Hugh, mas este é brusco e inútil, insistindo que de forma arrogante que só falará com a Mão em pessoa.[2]

Sor Hugh participa do Torneio da Mão, vestindo uma armadura que ele forjou para a ocasião, onde ele enfrenta Sor Gregor Clegane. A lança de Gregor sobe e passa pela garganta de Hugh, matando-o instantaneamente e fazendo com que Jeyne Poole chore histericamente.[3]

Sor Barristan Selmy permanece em vigília no septo pelo cadáver de Sor Hugh, na falta de outras pessoas próximas à ele. Sor Barristan diz a Lorde Eddard que, como escudeiro, Hugh queria desesperadamente ser cavaleiro, mas provavelmente não estava preparado para isso. A morte pela mão de um homem que serve aos Lannisters faz Eddard se perguntar se Sor Hugh morreu por causa de sua tentativa de interrogá-lo, mas duvida que ele possa descobrir a verdade. Lorde Eddard ordena que a armadura seja enviada com os restos mortais de Sor Hugh para sua mãe no Vale, e Lorde Eddard anuncia que se certificará de que o ferreiro que fez a armadura seja pago.[1]

Em uma conversa com Lorde Eddard, Varys menciona Hugh como um possível suspeito de envenenar Lorde Jon. Varys ressalta que, embora ele devesse tudo a Lorde Jon, Sor Hugh não retornou ao Vale quando Lysa fugiu com sua família, em vez disso permaneceu em Porto Real e foi elevado ao título de cavaleiro.[1]

A Fúria dos Reis

Quando Tyrion Lannister pergunta Grande Meistre Pycelle sobre seu papel na morte de Lorde Arryn, Pycelle nega que foi ele quem envenenou a antiga Mão do Rei. Pycelle admite que reteve os cuidados de Lorde Jon, pois sabia que a Rainha Cersei Lannister queria Lorde Jon morto. Pycelle acredita na versão de Varys que foi Sor Hugh quem envenenou Lorde Jon e suspeita que ele tenha agido sob as ordens de Rainha Cersei Lannister.[5]

Citações

Ned cobriu o rapaz com seu manto, azul manchado de sangue, debruado por luas crescentes.[1]
— Lorde Eddard Stark cobrindo Sor Hugh com um manto que tinha seu símbolo pessoal
O manto era azul, da cor do céu num dia límpido de verão, ornamentado com uma borda de luas crescentes, mas quando o sangue o encharcou, o tecido escureceu e as luas foram se tornando vermelhas, uma a uma.[2]
— Manto com seu símbolo pessoal no momento de sua morte
Hugh foi escudeiro de Jon Arryn durante quatro anos. O rei o armou cavaleiro antes de partir para o norte, em memória de Jon. O rapaz desejava aquilo desesperadamente, mas temo que não estivesse pronto.[1]
— Sor Barristan Selmy

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Hugh, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências