Saque de Ponteamarga

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Saque de Ponteamarga
Conflito Dança dos Dragões
Data 130 d.C.
Local Ponteamarga
Resultado Os Verdes tomando Ponteamarga[1]
Beligerantes
House Targaryen (Rhaenyra).png Negros: House Targaryen (Aegon II).png Verdes:
Comandantes
Caswell.png Lady Caswell Hightower.png Lorde Ormund Hightower
Targaryen.png Príncipe Daeron Targaryen
Forças
tropa Caswell Tessarion
Baixas
Lady Caswell
Filho e filha de Lady Caswell †
Desconhecido

O saque de Ponteamarga ocorreu durante a Dança dos Dragões.

Prelúdio

A cidade de Ponteamarga ficou lotada de refugiados que fugiam do exército de Verdes liderados por Lorde Ormund Hightower. Sor Rickard Thorne da Guarda Real e seu pupilo, o Príncipe Maelor Targaryen, se disfarçaram e tentaram pernoitar na Cabeça de Porco, uma estalagem de Ponteamarga, enquanto viajavam para a tropa de Ormund no cerco de Mesalonga. Maroto, um cavalariço do proprietário da pousada, Ben Bolinhos, informou à sala comum da pousada que havia descoberto o ovo de dragão de Maelor. Depois de matar Ben, Rickard cavalgou para a costa sul do Vago, mas foi morto por besteiros na ponte. Cogumelo afirma que Willow Bate-Pedra esmagou acidentalmente Maelor até a morte, Eustace diz que foi cortado em seis pedaços por um açougueiro, e Munkun escreve que Maelor foi dilacerado por uma turba.[1]

Lady Caswell, cujo senhor marido havia sido executado anteriormente pelo pai de Maelor, o Rei Aegon II Targaryen, ficou horrorizado com a violência. Ela enforcou Willow, Maroto e o homem cujo cavalo foi roubado por Rickard. Então, ela enviou o cadáver de Rickard e a cabeça de Maelor para a Rainha Rhaenyra Targaryen em Porto Real, enquanto o ovo de dragão de Maelor foi enviado para Lorde Ormund Hightower em Mesalonga. Ormund foi generoso depois que Mesalonga de rendeu, levando sua riqueza e grãos, mas não fazendo mal aos Merryweathers.[1]

Saque

Lady Caswell esperava que Lorde Ormund Hightower fosse misericordioso quando chegasse a Ponteamarga. O príncipe Daeron Targaryen recusou, entretanto, e usou a chama do dragão de Tessarion para queimar a cidade. Daeron começou com a Cabeça de Porco, mas o incêndio se espalhou para outras pousadas, depósitos e casas. Centenas de feridos morreram no septo de Ponteamarga, e os habitantes da cidade foram mortos pelos soldados de Ormund ou forçados a se afogar no Vago. A ponte sobre o rio foi poupada, no entanto.[1]

Implorando misericórdia por seus filhos, Lady Caswell cedeu seu castelo a Lorde Hightower e depois se enforcou na portaria. Ormund enviou seus filhos e filha para Vilavelha como prisioneiros e ordenou o assassinato da guarnição de Ponteamarga.[1]

Rescaldo

Refugiados de Ponteamarga fugiram para Tumbleton. O Príncipe Daeron Targaryen mais tarde nomeou Ulf, o Branco como Senhor de Ponteamarga após a Primeira Batalha de Tumbleton.[1]

Citações


Os deuses vão nos amaldiçoar por isto.[1]
—— Lady Caswell



Você receberá as mesmas condições que deu ao meu sobrinho Maelor.[1]
—— Daeron Targaryen para Lady Caswell


Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 1,5 1,6 1,7 Fogo & Sangue, A morte dos dragões: Rhaenyra triunfante.

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Sack of Bitterbridge, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.