Marilda

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

Marilda
Apelido(s) Marilda de Casco (ou Marilda de Hull)
Ratinha[1]
Lealdade Casa Velaryon
Cultura Terras da Tempestade
Filho(a)(s) Addam de Hull[1]
Alyn de Hull[1]
Pai Um construtor naval
Nascimento Em 97 d.C.[2], em Casco[1]
Morte Em 114 d.C. em Porto Real, em Vila Especiaria
Livros Históricos
Mencionada
Mencionada

Marilda, ou Marilda de Casco,[N 1] também conhecida Ratinha, foi uma mulher de baixo nascimento, filha de um construtor de navios. Ela era a mãe de Sor Addam Velaryon, um cavaleiro de dragão, e Alyn Velaryon, Senhor das Marés.[3]

Aparência e personalidade

Marilda era uma mulher bonita, pequena e rápida. Ela era inteligente e aventureira.[1]

Históriia

Marilda era filha de um construtor de navios de Casco. Ela era frequentemente vista nos estaleiros, muitas vezes sob os pés. Marilda tinha dezesseis anos quando deu à luz Addam em 114 d.C., e ela mal tinha dezoito anos quando Alyn nasceu em 115 d.C.. Ela se recusou a nomear o pai de seus filhos.[1]

Após a morte de seu pai, uma década depois, Marilda vendeu seu estaleiro e usou os lucros para capitanear uma coca mercantil que ela chamou de Ratinha. Em 130 d.C. Marilda possuía sete navios, nos quais seus filhos serviam.[1]

Quando o Príncipe Jacaerys Velaryon chamou por sementes de dragão durante a Dança dos Dragões, Marilda alegou que seus filhos, que tinham cabelos pretaeados e olhos violeta, foram gerados por Sor Laenor Velaryon, que havia morrido em 120 d.C.. Grande Meistre Munkun e Septão Eustace concordaram com a afirmação de Marilda, mas Cogumelo escreveu que Addam e Alyn na verdade eram filhos do próprio Lorde Corlys Velaryon, um visitante frequente dos estaleiros de Derivamarca. Depois que Addam se tornou um cavaleiro de dragão montando Seasmoke, que era a própria montaria de Laenor, Corlys e Jacaerys convenceram a Rainha Rhaenyra Targaryen a legitimar os irmãos bastardos como Velaryons.[1] Addam eventualmente morreu na Segunda Batalha de Tumbleton.[3]

Após a morte de Rhaenyra na queda de Pedra do Dragão e o perdão de Corlys pela Rainha Alicent Hightower, Alyn concordou em transportar o Rei Aegon II Targaryen de Pedra do Dragão de volta para Porto Real. Protegida por uma dúzia de galeras Velaryon, Marilda levou o rei para a capital a bordo de Ratinha.[4]

Quando Corlys morreu em Porto Real em 132 d.C., Marilda e Lorde Alyn navegaram seu corpo de volta para Derivamarca a bordo do Beijo de Sereia. Os restos mortais de Corlys foram então sepultados no mar perto de Pedra do Dragão a bordo da Serpente do Mar.[5]

Marilda construiu a Casa da Ratinha em Casco durante a Primavera Lysena.[6]

Quando Alyn Punho de Carvalho liderou uma frota de navios mercantes para Dorne e as Cidades Livres em 136 d.C., o Senhor das Marés comandou de uma galera chamada Ousada Marilda.[6]


Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Marilda of Hull, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Família

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Daemon
Targaryen
 
Laena
Velaryon
 
Marilda
de Casco
 
Laenor
Velaryon
 
Rhaenyra
Targaryen
 
Daemon
Targaryen
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Addam
Velaryon
 
 
 
 
3 filhos
 
Aegon III
Targaryen
 
Daenaera
Velaryon
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rhaena
Targaryen
 
Baela
Targaryen
 
 
 
Alyn
Velaryon
 
 
 
 
 
Elaena
Targaryen
 
Outra
Descendência
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Casa
Velaryon
 
 
Jon
Waters
 
Jeyne
Waters
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Casa
Longwaters
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Notas

  1. Existe uma incoerência na tradução da LEYA sobre seu apelido. Na versão original, seu apelido é Marilda of Hull, referindo-se ao vilarejo de Hull nas Terras da Coroa. Na tradução para o português da LEYA no livro O Mundo de Gelo e Fogo, eles optaram por manter o vilarejo como na versão original, ou seja, Hull. Assim o apelido de Marilda nesse livro ficou como Marilda de Hull. Porém, o mesmo vilarejo foi traduzido pela LEYA como Casco no conto A Princesa e a Rainha do livro Mulheres Perigosas, logicamente no mesmo livro seu apelido passou a ser Marilda de Casco.

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 1,5 1,6 1,7 Fogo & Sangue, A morte dos dragões: O dragão vermelho e o dourado.
  2. Veja o cálculo de Marilda de Casco.
  3. 3,0 3,1 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Aegon II.
  4. Fogo & Sangue, A morte dos dragões: O breve e triste reinado de Aegon II.
  5. Fogo & Sangue, Sob os regentes: A Mão encapuzada.
  6. 6,0 6,1 Fogo & Sangue, A Primavera Lysena e o fim da regência.