Alyn Velaryon

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Velaryon.png
Alyn Velaryon
Velaryon.png
Apelido(s) Alyn de Casco
Punho de Carvalho
Título Senhor das Marés
Mestre de Derivamarca
Chefe da Casa Velaryon
Lealdade Casa Velaryon
Casa Targaryen
Os Negros
Cultura Terras da Coroa
Esposa(o) Baela Targaryen
Nascimento Em após 115 d.C., em Casco, Derivamarca
Morte Em entre 171 d.C. e 176 d.C., em Mar
Mencionado
Mencionado
Outros livros
Mencionado
Mencionado

Alyn Velaryon, também conhecido como Alyn de Casco e mais tarde como Punho de Carvalho, foi o Senhor das Marés, Mestre de Derivamarca e chefe da Casa Velaryon. Alyn nasceu como um bastardo, mas foi legitimado. Seu irmão, Sor Addam Velaryon, também foi legitimado e inicialmente era o herdeiro Derivamarca.[1] Alyn foi um almirante durante o reinado de seu primo, o Rei Daeron I Targaryen.

Aparência

Depois da fracassada tentativa de montar em Sheepstealer, Alyn ficou com terríveis cicatrizes em suas costas e pernas pelo resto de sua vida.[1]

História

De acordo com o Arquimeistre Gyldayn, as origens de Alyn continuam sendo uma questão de discussão entre os historiadores.[1] Sua mãe, Marilda de Casco, afirmou que ele e seu irmão Addam foram gerados por Sor Laenor Velaryon - um fato que muitos acharam notável devido à preferência sexual conhecida de Laenor pelos homens. Mas existiram outras versões que afirmam que eles foram gerados pelo pai de Laenor, Lorde Corlys Velaryon, mas não foram reconhecidos longe da corte para não ofender a esposa de Corlys, a tempestuosa Rhaenys Targaryen.[2]

Dança dos Dragões

Durante a Dança dos Dragões, quando Príncipe Jacaerys Velaryon anunciou que os Negros precisavam de mais dragões do seu lado, muitos homens em Pedra do Dragão se apresentaram para responder o chamado do príncipe. Alyn de Casco foi uma delas, juntamente com seu irmão mais velho Addam de Casco. Addam conseguiu ganhar o antigo dragão de Laenor Velaryon, Seasmoke, e Alyn procurou o dragão selvagem Grey Ghost, mas não conseguiu encontrá-lo. Ele então tentou domar o dragão selvagem Sheepstealer. Quando ele entrou em sua cova, o dragão incendiou seu manto. Seu irmão, Addam, usou sua própria capa para diminuir as chamas, enquanto Seasmoke expulsou Sheepstealer. Alyn foi queimado e marcado pela experiência, mas mesmo assim ele se considerou afortunado por ter sobrevivido, visto que nem muitos outros não tiveram a mesma sorte.[1]

Pouco tempo depois, quando Addam conseguiu voar em Seasmoke, Lorde Corlys Velaryon pediu a Rainha Rhaenyra Targaryen para remover sua bastardia e de seu irmão. A rainha consentiu e legitimou os irmãos. Addam Velaryon foi nomeado herdeiro de Derivamarca.[1]

Após a traição de Hugh Hammer e Ulf, o Branco, muitas vozes no Conselho dos negro questionaram a fidelidade do irmão Alyn e Addam. Somente Lorde Corlys falou em defesa deles, observando que Addam e seu irmão Alyn eram "verdadeiros Velaryons", dignos de Derivamarca. [1] Embora Addam Velaryon tenha fugido da ordem de prisão de Rhaenyra, ele mais tarde retornou para ajudar na vitória da Segunda Batalha de Tumbleton ou se sacrificar e morrer pela causa, provando sua lealdade.[1] Após a morte de seu irmão, Alyn tornou-se herdeira da Derivamarca.

O Senhor de Derivamarca

Alyn tornou-se Senhor das Marés após a morte de Corlys em 132 d.C.. O Senhor Unwin Peake, a Mão do Rei Aegon III Targaryen, se recusou a permitir que Alyn se tornasse um regente do jovem rei. Em vez disso, Alyn ganhou o nome de Punho de Carvalho depois de uma grande vitória no Passopedra. Ele ganhou grande fama e reputação por sua vitória, conquistando honras e recompensas dos regentes, apesar dos protestos de Lorde Peake. Unwin então enviou Alyn para lidar com o Lula Gigante Vermelha, Dalton Greyjoy, esperando que ele fosse morto no processo. A expedição tornou-se a primeira das seis grandes viagens de Alyn, [3] e ganhou o favor de Aliandra Martell, a Princesa de Dorne, quando ele parou em Lançassolar. [4] De acordo com uma fonte semi-canônica, sua segunda viagem foi para Volantis. [5]

Alyn negociou a libertação do irmão de Aegon III, Viserys, do seu cativeiro em Lys em 134 d.C. ou 135 d.C.. [3] O Oakenfist teve grande aclamação ao lutar com piratas nos Passopedra e Mar Estreito. [6] Quando os ossos Addam foram retornados para Derivamarca em 138 d.C., Alyn usou apenas uma única palavra, "Leal", como a epitáfio no túmulo de seu irmão. [2]

Em 157 d.C., Alyn tomou uma parte decisiva na Conquista de Dorne por Rei Daeron I Targaryen como Mestre dos Navios. [7] Ele ordenou uma frota que quebrou a Vila Tabueira, e varreu a metade do rio Sangueverde enquanto a principal força Dornesa estava ocupada com Daeron no Passo do Príncipe. [8] Alyn voltou a subjugar a Vila Tabueira e Sangueverde em 160 d.C. depois que Dorne se rebelou, mas o Jovem Dragão, Daeron I Targaryen, foi morto no ano seguinte enquanto estava sob bandeira da paz. Seu sucessor, o Rei Baelor I Targaryen, fez a paz com Dorne. [7]

Alyn te uma quantidade desconhecida de crianças com sua esposa, Senhora Baela Targaryen. [9] Embora ele estivesse casado, ele adorava a Princesa Elaena Targaryen, [10] e teve dois bastardos com ela, os gêmeos Jon e Jeyne Waters. [11] Alyn desapareceu no mar mais ou menos em 175 d.C.. Um ano após o seu desaparecimento, Elaena, que esperava casar com ele, concordou em casar com outro. [11]

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Alyn Velaryon, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Família

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Daemon
Targaryen
 
Laena
Velaryon
 
Marilda
de Hull
 
Laenor
Velaryon
 
Rhaenyra
Targaryen
 
Daemon
Targaryen
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Addam
Velaryon
 
 
 
 
3 filhos
 
Aegon III
Targaryen
 
Daenaera
Velaryon
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rhaena
Targaryen
 
Baela
Targaryen
 
 
 
Alyn
Velaryon
 
 
 
 
 
Elaena
Targaryen
 
Outra
Descendência
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Casa
Velaryon
 
 
Jon
Waters
 
Jeyne
Waters
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Casa
Longwaters
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Referências