Ações

Daella Targaryen (filha de Jaehaerys I)

Para os artigos que compartilham o mesmo título, por favor veja esta página de desambiguação. Disambig.png

Targaryen.png
Daella Targaryen
Arryn do Ninho da Águia.png
Título Princesa
Senhora do Ninho da Águia
Lealdade Casa Targaryen
Casa Arryn
Raça Valiriana
Cultura Terras da Coroa
Esposa(o) Rodrik Arryn
Nascimento Em 64 d.C.[1]
Morte Em 82 d.C.[2]
Outros livros
Mencionada
Mencionada
Mencionada

Princesa Daella Targaryen foi a oitava criança e a quarta filha do Rei Jaehaerys I Targaryen e da Rainha Alysanne Targaryen. Ela se casou com Lorde Rodrik Arryn e juntos eles tiveram um filho: Aemma Arryn.[3]

Aparência e características

Princesa Daella sempre foi delicada e tímida, assustando-se com facilidade e chorando à toa. Ela só disse sua primeira palavra quando já tinha 2 anos e, mesmo depois disso, passava mais tempo calada do que falando. Sua irmã, a Princesa Maegelle Targaryen foi sua estrela-guia. Ela idolatrava sua mãe, mas ficava apavorada com o jeito de sua irmã, a Princesa Alyssa Targaryen, e escondia o rosto na presença de garotos. Já mais velha, era pequena, não ultrapassando 1,60 metros mesmo nas pontas dos pés. Suas feições tinham um aspecto infantil a ponto de transparecer uma idade muito menor do que realmente tinha. Ela é bondosa e gentil e possui um coração muito doce, mas parecia extremamente assustada com tudo, possuindo medo de gatos por um deles ter arranhado ela, e possuía temor profundo de dragões. Qualquer repreensão, por mais suave que fosse, fazia-a chorar. A primeira vez que ela viu um habitante das Ilhas de Verão, ela gritou assustada achando que tinha visto um demônio. Princesa Daella não era inteligente, mas sabia ler, mesmo que fosse lentamente e não compreendesse perfeitamente o sentido das palavras. Ela também não conseguia memorizar mesmo as orações mais simples. Tinha uma voz bela, mas tinha medo de cantar. Adorava flores, mas temia jardins por causa das abelhas. Ela era bela e chamou a atenção de vários jovens fidalgos, mas mal conseguia falar com rapazes.[1]

História

Princesa Daella nasceu em 64 d.C. e desde bebê, a Rainha Alysanne achava que ela e o Príncipe Vaegon deveriam se casar, no entanto, a medida que as crianças cresciam, tornou-se evidente que os dois não eram uma boa combinação, pois o Príncipe Vaegon tolerava a presença da irmã, enquanto ela, por sua vez, parecia ter medo do irmão rabugento. O príncipe achava a princesa idiota; ela o achava um grosso.[1]

A hostilidade mútua só se agravou com o tempo, até que em 73 d.C., quando Príncipe Vaegon tinha 10 anos e a Princesa Daella tinha 9 anos, uma das damas de companhia da Rainha Alysanne perguntou de brincadeira aos dois quando eles se casariam, mas Príncipe Vaegon humilhou a Princesa publicamente dizendo que nunca se casaria com uma mulher tão idiota. A Princesa Daella fugiu correndo e chorando com sua mãe atrás dela para consolá-la, enquanto a irmã mais velha, Princesa Alyssa Targaryen de 13 anos, despejou um jaro de Vinho Dourado da Árvore na cabeça do Príncipe Vaegon, mas nem isso fez o príncipe se arrepender. Depois desse evento, o Rei Jaehaerys e a Rainha Alysanne concordaram que deveriam achar uma outra prometida para Príncipe Vaegon. Aproximadamente um ano depois, durante um treino de espadas, a Princesa Daella presenciou do alto da janela a irmã mais velha, Princesa Alyssa Targaryen, humilhando seu irmão, o Príncipe Vaegon, ambos com espadas de madeira na mão. O Príncipe nunca mais voltou a treinar depois disso.[1]

Após Príncipe Vaegon partir para Cidadela para se tornar um Arquimeistre em 78 d.C., a Rainha Alysanne tratou de tentar arranjar um casamento para a Princesa Daella, mas a Rainha teve muitas dificuldades nessa empreitada devido à personalidade extremamente tímida e assustada da princesa, além de seu intelecto simplório. O Rei Jaehaerys se desesperava por ela e questionava como a Rainha acharia um partido para a filha, se ela não conseguia nem sequer conversar com um homem, então ele levantou a possibilidade de entregá-la a Fé dos Sete, mas a Princesa Daella tinha dificuldades com a leitura e em memorizar as orações e ficava apavorada em ler a Estrela de Sete Pontas em voz alta. Mas a Rainha Alysanne não desistiu de sua busca.[1]

Aos treze anos de idade, Princesa Daella foi enviada a Derivamarca para conhecer Corlys Velaryon, o neto do Senhor das Marés, mas a Princesa ficou enjoada no barco e recusou o casamento.[1]

Aos quatorze anos, a Rainha tentou casamentos com Denys Swann, Simon Staunton, Gerold Templeton e Ellard Crane, todos escudeiros promissores de mesma idade da Princesa Daella, mas no final do mesmo ano ela acabou detestando cada um deles por eles tentarem se aproximar demais dela.[1]

Aos quinze anos, a Rainha Alysanne levou-a até Corvarbor para conhecer Royce Blackwood, filho do Lorde Blackwood. Sendo alto, elegante, cortês, comunicativo, habilidoso com o arco e a espada, ele acabou derretendo o coração da Princesa Daella com baladas que ele próprio havia composto, mas os Blackwoods adoravam os Deuses Antigos e não os Sete Deuses, então a Princesa Daella temeu ir para o inferno se o casamento fosse realizado e rejeitou Royce Blackwood.[1]

Irritado com essa situação, no primeiro dia do ano de 80 d.C. o Rei Jaehaerys ordenou que ela deveria se casar até o final do ano vigente, pois ela já tinha quase 16 anos e já estaria quase completando a maioridade, não importando se consorte fosse um senhor ou um mercador. Então a Rainha Alysanne explicou para a Princesa Daella a ordem do Rei e que teria três opções para ela: o primeiro era Lorde Boremund Baratheon, o Senhor de Ponta Tempestade com 28 anos e irmã de Jocelyn Baratheon e meio irmão da Rainha e do Rei; a segunda opção seria Sor Tymond Lannister, herdeiro do Rochedo Casterly e a opção mais rica e poderosa de apenas 20 anos; a terceira e última opção seria Lorde Rodrik Arryn, Senhor do Ninho da Águia e Protetor do Vale e o antigo Mestre das Leis do Rei e atualmente tinha 36 anos. Para espanto de todos, a Princesa Daella escolheu Lorde Rodrik Arryn, pois ele já tinha 4 filhos e ela seria a nova mãe deles. O casamento aconteceu de acordo com os desejos do Rei Jaehaerys no final daquele ano. A cerimônia foi simples e pequena com a presença apenas de amigos e parentes próximos para não assustar a Princesa Daella.[1][2]

No Ninho da Águia, ela se deu muito bem com 3 dos 4 filhos de lorde Lorde Rodrik Arryn, gerando atrito apenas com a mais velha dos filhos. Lorde Rodrik cumpriu sua palavra e foi um marido gentil e carinhoso que nunca deixava de mimar e proteger a noiva. A Princesa Daella escrevia para Porto Real com frequência para dizer como estava feliz.[1]

No entanto, após um ano e meio de casamento, a Princesa Daella escreveu para Porto Real dizendo que estava apavorada, pois estava grávida e pedia para que a Rainha Alysanne viesse até Ninho da Águia. Em 82 d.C. a Rainha chegou no destino, três meses antes da data prevista para o parto da Princesa Daella. A Rainha sabia que a Princesa se assustava com tudo, mas dessa vez a Rainha também ficou assustada, pois Daella era uma mulher pequena e frágil e estava com uma barriga muito grande, o que poderia ser perigoso. A Rainha Alysanne permaneceu ao lado da filha durante todo o restante da gestação e, uma quinzena antes do tempo certo, a bebê Aemma Arryn veio ao mundo após um parto demorado e difícil. Apesar das dores terríveis, a Princesa Daella sorriu quando quando sua filha foi posta junto ao seu peito. A Princesa Daella foi acometida de febre de leite pouco depois do parto e chamaram uma ama de leite para amentar a bebê, pois a Princesa não conseguia produzir leite. Quando a febre da Princesa se agravou, ela passou uma noite se debatendo e morreu na manha seguinte com apenas dezoito anos de idade. Lorde Rodrik pediu para que ela fosse enterrada no Ninho da Águia, mas a Rainha Alysanne recusou dizendo que ela era sangue do dragão e que seria cremada em Pedra do Dragão e sepultada ao lado de sua falecida irmã, a Princesa Daenerys Targaryen.[1][2]

A morte da Princesa Daella arrasou o coração da Rainha Alysanne, que culpava a si mesma e principalmente o Rei Jaehaerys pelo fato, pois se ela não tivesse se casado, ainda estaria viva. Esse foi o primeiro sinal das desavenças entre o Rei e a Rainha que mais tarde culminariam nas duas grandes brigas entre eles.[1]

A filha da falecida Princesa Daella, Aemma Arryn, se casaria com o sobrinho de Daella, o Príncipe Viserys. Quando Viserys foi coroado rei dos Sete Reinos, Aemma tornou-se Rainha. Daella foi avó da Princesa Rhaenyra Targaryen e bisavó dos Reis Aegon III e Viserys II Targaryen.[3][2]

Dos bastidores

Daella foi listada como a quinta criança e a segunda das filhas mulheres do Rei Jaehaerys I Targaryen o livro O Mundo de Gelo e Fogo publicado em 2014. Contudo, no livro Fogo & Sangue de 2018 trouxe a informação de que ela foi a oitava criança e a quarta filha mulher do Rei Jaehaerys I Targaryen, o que contradiz o livro O Mundo de Gelo e Fogo. Várias outras mudanças relacionados aos filhos de Jaehaerys aconteceram, assim como algumas características físicas de alguns personagens e nomes foram alterados. Isso aconteceu porque George R. R. Martin começou a ter várias outras novas idéias enquanto escrevia Fogo & Sangue e decidiu implementá-las.[4]

Família

Pais

Descendentes

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Aenys I
 
Alyssa
Velaryon
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rhaena
 
Aegon
 
Viserys
 
Jaehaerys I
 
Alysanne
 
Vaella
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filho(a)
 
Aegon
 
Daenerys
 
Aemon
 
 
Baelon
 
Alyssa
 
Maegelle
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Vaegon
 
Daella
 
Saera
 
Viserra
 
Gaemon
 
Valerion
 
Gael
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Rodrik
Arryn
 
Daella
 
 
 
 
 
Baelon
 
Alyssa
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Aemma Arryn
 
 
 
 
 
Viserys I
 
 
 
 
 
Alicent Hightower
 
Daemon*
 
Aegon
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
filho
desconhecido
 
Baelon
 
Rhaenyra
 
Daemon*
 
Aegon II
 
Helaena
 
Aemond
 
Daeron
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Aegon III
 
Viserys II
 
Visenya
 
Jaehaerys
 
Jaehaera
 
Maelor
 

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Daella Targaryen (daughter of Jaehaerys I), um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências

  1. 1,00 1,01 1,02 1,03 1,04 1,05 1,06 1,07 1,08 1,09 1,10 1,11 Fogo & Sangue, O Longo Reindo Jaehaerys e Alysanne, Política, Progênie e Provação.
  2. 2,0 2,1 2,2 2,3 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Jaehaerys I.
  3. 3,0 3,1 O Príncipe de Westeros.
  4. Westeros.org: FIRE AND BLOOD Volume 1 (21 de julho de 2018)