Criptas de Winterfell

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Ned e Robert Baratheon visitando o túmulo de Lyanna Stark. Ilustrado por Thomas Denmark. © Fantasy Flight Games.

As Criptas de Winterfell[1] (ou criptas por baixo de Winterfell,[2]) estão localizadas abaixo de Winterfell e possuem os túmulos dos membros da Casa Stark.[3]

Arquitetura

A porta de pau-ferro das criptas[4], que está localizada na seção mais antiga de Winterfell próxima da Primeira Fortaleza[5] e do cemitério,[6] é velha e pesada.[4] A cripta é gelada e escura, acessível por degraus de pedra em espiral estreitos e sinuosos que levam a vários níveis. Um andar contém uma longa linha de pilares de granito, dois a dois, entre os quais estão sepultados os mortos da Casa Stark. O local possui um teto abobadado.[1]

Todos os membros da família podem ter túmulos nas criptas,[7][4] mas as estátuas são tradicionalmente feitas apenas para o Rei do Norte e Lordes de Winterfell.[8] As feições e outras características desses grandes senhores são esculpidas em pedra, algumas desgrenhadas, outras bem acabadas.[8] Grandes lobos gigantes se enrolam em seus pés. Segundo a tradição, espadas longas de ferro são colocadas no colo de cada Senhor, para que guardem os espíritos vingativos dentro da cripta.[1]

A abóbada cavernosa é maior que a própria Winterfell, com os Starks mais velhos enterrados em níveis mais profundos e mais escuros.[8] Dizem que o nível mais baixo está parcialmente arruinado.[5] Os túmulos mais recentes dentro das criptas são os do Senhor Rickard Stark e seus filhos, Brandon e Lyanna. As tumbas mais para trás, vazias e sem lacre, estão salvas para futuros membros da Casa Stark.[1]

Quebrando a tradição de apenas lordes terem estátuas, Lorde Eddard Stark, sucessor de Rickard, teve estátuas feitas de seus irmãos falecidos, Brandon e Lyanna, após a Rebelião de Robert.[8] Há também uma estátua para Artos, o Implacável, o irmão mais novo de Lorde Willam Stark.[9]

História

De acordo com a lenda popular, Bael, o Bardo desapareceu de Winterfell com a filha de Lorde Brandon Stark. A filha finalmente reapareceu com uma criança, para o futuro Lorde Stark. A lenda afirma que eles haviam se escondido dentro da cripta.[10]

O Testemunho de Cogumelo alega que, quando o príncipe Jacaerys Velaryon veio a Winterfell no início da Dança dos dragões, Vermax colocou ovos de dragão nas profundezas das criptas, onde nascentes de água quente estão perto das paredes. Meistre Gyldayn rejeita a idéia.[11]

Arya Stark era uma garotinha quando viu as criptas pela primeira vez; A Velha Ama havia lhe contado que as criptas tinham aranhas e ratos do tamanho de cachorros. Nessa ocasião, Jon Snow havia se coberto com farinha, e tentou assustar Arya e seus irmãos como um fantasma.[7] Bran Stark lembra-se de brincar nas criptas com Jon Snow, Robb Stark, e suas irmãs, Arya e Sansa[8]. Arya, por vezes, também se escondia nas criptas pra jogar entre no meu castelo e monstros e donzelas entre os reis de pedra.[12]

Eventos Recentes

A Guerra dos Tronos

Rickon Stark e Cão Felpudo nas criptas de Winterfell. - Ilustrado por Chris Casciano. © Fantasy Flight Games.

Pouco depois de chegar a Winterfell, o rei Robert Baratheon visita as criptas com Lorde Eddard Stark para prestar seus respeitos.[1] Ned percebe que as espadas longas mais antigas enferrujaram tanto que se desfizeram. Eles visitam a grande tumba do pai de Ned, Lorde Rickard Stark, e os túmulos dos irmãos de Ned, Brandon e Lyanna Stark.

Em Castelo Negro, Jon Snow conta a Samwell Tarly que ele às vezes sonha com as criptas. Ele tem medo do que ele encontrará dentro deles e desperta quando o local fica muito escuros.[13]

Em Porto Real, Ned sonha com as criptas por baixo de Winterfell, imaginando os Reis do Inverno o observando com olhos de gelo, e os lobos de pedra rosnando para ele. A estátua de Lyanna sussurra para ele, "Prometa-me, Ned."[2]

O aleijado Bran Stark sonha que visita as criptas com o corvo de três olhos para com o pai, Eddard, que está na capital. Depois de acordar, ele pede para Hodor levar-lhe às criptas, mas o cavalariço fica aterrorizado e se recusa a entrar, o que não havia acontecido antes.[8][14]

Para provar que Ned não está lá, Meistre Luwin traz Bran às criptas com a ajuda de Osha em vez de Hodor. Bran identifica as estátuas dos reis Jon, Rickard, Theon, o Lobo Faminto, Brandon, o Construtor Naval, Brandon o Incendiário, Rodrik, e Torrhen Stark, assim como os Lordes Cregan e Rickard e os filhos de Rickard, Brandon e Lyanna. Rickon Stark, que estava escondido no túmulo vazio de Ned, afirma que teve uma visão com o pai na noite anterior. Mais tarde, na torre de Luwin, eles recebem um corvo informando-os da morte de Ned em Porto Real.[8]

A Fúria dos Reis

Um pedreiro esculpe a fisionomia de Eddard para seu túmulo de granito na cripta. Rickon mostra as criptas para Grande Walder Frey e Pequeno Walder Frey, o que deixa Bran furioso.[15] Jojen Reed diz a Bran que ele teve um sonho verde com Bran e Rickon nas criptas.[16]

Sor Cleos Frey leva os ossos de Ned para Correrrio, entregando para sua viúva, Catelyn Stark. Catelyn pede para Hallis Mollen levá-los até Winterfell para serem sepultados.[17]

Após a captura de Winterfell, Theon Greyjoy recusa-se a permitir que Luwin enterre os corpos de Bran e Rickon nas criptas. No entanto, os corpos são os filhos de um moleiro, não os Starks desaparecidos.[3]

Bran e Rickon, Meera e Jojen Reed, Hodor, e Osha sobrevivem ao saque de Winterfell. Hodor, desta vez, não sente mais medo.[14] Osha empunha a espada que Mikken tinha feito para o túmulo de Eddard, enquanto Meera pega a espada de Lorde Rickard e Bran pega a de seu homônimo, seu tio Brandon. Onze Osha acende uma tocha, e Bran vê os túmulos de Lyanna e Brandon, assim como os de Lorde Rickard; Lorde Edwyle; Lorde Willam e seu irmão Artos, o Implacável; Também vemos os Lordes Donnor, Beron e Rodwell; Jonnel Um Olho; Lorde Barth; Lorde Brandon; e Lorde Cregan Stark.[4] Quando saem, passam pelos túmulos do rei Torrhen, o Rei que Ajoelhou; Edwyn o Rei da Primavera; Theon, O Lobo Faminto; Brandon, o Construtor Naval, Brandon o Incendiário; Jorah e Jonos; Brandon o Mau; Walton o Rei da Lua ; Edderion o Noivo; Eyron; Benjen o Doce e Benjen o Amargo, e Edric o Barba de Neve. Hodor então consegue mover a porta de pau-ferro que bloqueia a saída.[4]

A Tormenta de Espadas

A caminho da Muralha, Bran lembra que, além das espadas tomadas por ele mesmo e por Meera, Hodor pegou uma espada de ferro enferrujada muito mais antiga.[18]

Jon Snow sonha que está passando pelos reis de pedra, que lhe dizem que não há lugar para ele na cripta.[19]

O Festim dos Corvos

Quando o Homem Gentil pergunta para Arya Stark o que ela pensa quando sente o aroma das velas na Casa do Preto e Branco, uma das lembranças é as criptas com seus reis de pedra.[20]

A Dança dos Dragões

Quando Bran tem várias visões dentro da caverna do corvo de três olhos, uma delas é de homens que ele reconhece de suas estátuas.[21]

Lady Barbrey Dustin faz Theon mostrar a ela a entrada para as criptas e elas descem pela escuridão. Theon vê as estátuas de Edric Barba de Neve, Brandon o Incendiário, Theon Stark, e Beron Stark. Eles notam uma estátua que não tem sua espada enferrujada, e outras duas, sendo as de Lorde Rickard Stark e Brandon Stark. Ali, nas criptas, Barbrey confidencia a Theon seu relacionamento com Brandon em sua juventude. Ela quer impedir que os ossos de Ned Stark alcancem Winterfell porque ele não trouxe os restos mortais de Willam Dustin para Vila Acidentada após a Rebelião de Robert.[5]

Holly pede a Theon para mostrar a ela as criptas, mas ele se recusa a ajudá-la ou ajudar Abel.[22]

Citações

Ned Stark e Robert Baratheon visitando as criptas, extraído de 'A Guerra dos Tronos - Edição Ilustrada', por Michael Komarck ©.
Leve-me à sua cripta, Eddard. Quero apresentar os meus respeitos. [1]
Robert I Baratheon para Eddard Stark


Robert: Ah, maldição, Ned, tinha de enterrá-la num lugar como este? Ela merecia mais que trevas....

Eddard: Ela era uma Stark de Winterfell. Este é seu lugar.
Robert: Podia estar em algum lugar numa colina, sob uma árvore de fruto, com o sol e nuvens acima dela e a chuva para lavá-la.
Eddard: Eu estava com ela quando morreu. Queria regressar à nossa casa para descansar ao lado de Brandon e do Pa.[1]

Robert I Baratheon e Eddard Stark sobre Lyanna Stark


Sem saber como, sei que tenho de descer, mas não quero fazê-lo. Tenho medo do que pode haver lá à minha espera.[13]
Jon Snow para Samwell Tarly sobre seus sonhos com as criptas.


Você não tinha o direito! Aquele lugar é nosso, dos Stark! [15]
Bran Stark para Rickon Stark após Rickon mostras as criptas para Grande Walder Frey e Pequeno Walder Frey


Sentavam-se em cadeirões de pedra com lobos de pedra aos pés. Era para lá que iam quando o calor se escoava de seu corpo; aquele era o escuro salão dos mortos, onde os vivos temiam entrar[4]
— pensamentos de Bran Stark


Seus rostos eram severos e fortes, e alguns deles tinham feito coisas terríveis, mas todos eram Stark, e Bran conhecia todas as suas histórias. Nunca temera as criptas; eram parte do seu lar e de quem era, e sempre soube que um dia também jazeria ali..[4]
— pensamentos de Bran Stark


Todos os meus sonhos são sobre as criptas, sobre os reis de pedra em seus tronos. As vezes ouço a voz de Robb e a do meu pai como se estivessem num banquete. Mas há uma parede entre nós, e sei que não foi posto nenhum lugar para mim. [23]
Jon Snow para Samwell Tarly


Theon: O que você quer?

Holly: Ver aquelas criptas. Onde estão elas, ‘nhor? Poderia me mostrar? Profundas e escuras, dizem. Um bom lugar para se tocar. Todos os reis mortos assistindo.[22]

Theon Greyjoy e Holly

Referências


Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Crypt of Winterfell, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.