Guerra pelos Degraus

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Guerra pelos Degraus
Data 106 d.C. - 115 d.C.
Local Degraus
Resultado Vitória das Três Filhas
Beligerantes
Casa Velaryon e as tropas do príncipe DaemonReino das Três Filhas
Comandantes notáveis
Príncipe Daemon Targaryen
Lorde Corlys Velaryon, a Serpente do Mar
Craghas Drahar
Racallio Ryndoon
Forças
Caraxes
Frota da Casa Velaryon
Exército de mercenários e aventureiros
Guarnição e frota de Lys, Myr e Tyrosh
Dorne

A Guerra pelos Degraus foi uma série de batalhas navais e terrestres travadas pelo controle dos Degraus no sul do Mar Estreito.

Prelúdio

Os Degraus, uma cadeia de ilhas rochosas entre Dorne e as Terras Disputadas, há muito eram reduto de foras-da-lei, exilados, provocadores de naufrágios e piratas. Em si, as ilhas não tinham muito valor, mas possuíam excelente posição estratégica nas rotas marítimas do Mar Estreito.

Em 96 d.C., Tyrosh, Lys e Myr haviam posto de lado sua inimizade ancestral para expulsar a Antiga Volantis das Terras Disputadas. Após vencerem, as três cidades entraram em "aliança eterna" e formaram um grande e novo poder, a Tríade, mais conhecida em Westeros como Reino das Três Filhas. Tendo expulsado Volantis das Terras Disputadas, eles se voltaram para o oeste e seus exércitos varreram os Degraus. Sob a liderança de seu Príncipe Almirante, Craghas Drahar, que, por deixar tantos piratas presos em estacas na praia à espera da alta da maré, recebeu a alcunha de Craghas Crabfeeder, eles anexaram os Degraus.

Controlando as ilhas, a Tríade passou a cobrar pedágio dos navios, o que de início foi bem visto pelos westerosi, já que garantia a segurança. Porém, o preço dos pedágios começou a aumentar, a ponto de arruinar financeiramente as expedições. Os antigos mercadores tiveram de se tornar contrabandistas. Dentre os lordes que mais sofreram com a avareza da Tríade estava Lorde Corlys Velaryon, o Serpente do Mar, cujas frotas o haviam tornado o nobre mais rico dos Sete Reinos.

O Príncipe Daemon Targaryen, por sua vez, decidira forjar o seu próprio reino após ter sido rebaixado na linha de sucessão pelo irmão, o Rei Viserys I Targaryen.

Conflito

Daemon juntou forças com Corlys Velaryon numa tentativa de tomar o controle dos Degraus das mãos das Três Filhas. Enquanto Corlys comandava a frota, Daemon reuniu um exército de mercenários, assassinos, aventureiros sem terras e segundos filhos.

Em 106 d.C., Daemon invadiu os Degraus montado em seu dragão, Caraxes. Mesmo com as forças em menor número, eles inflingiram uma série de derrotas à Tríade por dois anos até que Daemon assassinou Craghas Drahar em combate singular com sua lâmina, Irmã Negra. Em 109 d.C., os exércitos de Daemon controlavam todas menos duas das ilhas do Degrau, e a frota Velaryon detinha a supremacia. Daemon escolheu o título de Rei dos Degraus e do Mar Estreito, e foi coroado pelo próprio Corlys. O reino de Daemon era financiado pelo Trono de Ferro, com Viserys querendo bancar uma diversão que pusesse o irmão longe de problemas.

Em 110 d.C., no entanto, a Tríade enviou um contra-ataque liderado por [[Racallio Ryndoon, apoiado pelos recém aliados de Dorne. A luta continuou em 111 d.C., quando o Rei Daemon foi à corte de Porto Real e permaneceu ali por seis meses. Após se desentender com o irmão, Daemon retornou à luta nos Degraus.

Quando a Senhora Rhea Royce, esposa de Daemon, morreu em 115 d.C., Daemon tentou obter suas terras e rendimentos, mas a herança foi negada. Daemon então se casou com a filha de Lorde Corlys, a Senhora Laena Velaryon, e abandonou os Degraus. Cinco outros homens o sucederam como Rei do Mar Estreito antes que a Tríade e Dorne acabassem com o reino que ele havia criado.



Nota: Esta página utiliza conteúdo da A Wiki Of Ice And Fire. O conteúdo original está aqui em War for the Stepstones. A lista de autores pode ser vista no histórico da página.