Pobres Companheiros

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 


Pobres Companheiros
Pobres Companheiros.png

Uma estrela vermelha de sete pontas é o emblema dos Pobres Companheiros
Tipo Ordem Militar
Região Sete Reinos
Fidelidade Fé dos Sete
Líder Atual Alto Pardal
Dissolvido 48 d.C. (Fé Militante original)
Reorganizado 300 d.C. (Fé Militante reformada)
Os pobres companheiros, por Matt Hansen ©
Os pobres companheiros sendo reprimidos, por Marc Simonetti ©

Os Pobres Companheiros ou Pobres Irmãos[N 1] eram uma ordem Westerosi, formada principalmente por plebeus, juramentada à Fé dos Sete. Eles faziam parte da Fé Militante, e também eram conhecidos como as Estrelas, pois usavam uma estrela vermelha de sete pontas como seu emblema.[1] Seus homólogos eram as "Espadas" ou Filhos do Guerreiro. Os Pobres Companheiros obedeciam e respondiam ao Alto Septão, pois acreditavam que o Alto Septão falava pelos Sete.

História

A estrela vermelha dos Pobres Companheiros teve suas origens nos dias da invasão Ândala de Westeros, quando guerreiros zelosos esculpiram a estrela de sete pontas em seus peitos.[2]

Atuando como uma faceta militar dos irmãos mendicantes, os Pobres Companheiros tornaram-se defensores de viajantes das estradas, escoltando peregrinos entre septos. Eles superavam em muito seus cavaleiros homólogos da Fé Militante, os Filhos do Guerreiro.[1]

Os Pobres Companheiros aceitavam membros de todas as classes sociais, independentemente de nascimento, sexo ou posição social, embora fossem liderados em combate pelos Filhos do Guerreiro. Mulheres podiam ascender à liderança dos Pobres Companheiros: um dos exemplos mais famosos foi Jeyne Poore Bexinguenta, que liderou os Pobres Companheiros nas terras da tempestade durante o levante Fé Militante, e foi considerada de seus capitães mais selvagens.[3]

Apesar de não serem tão treinados, disciplinados ou bem armados como os Filhos do Guerreiro, os Pobres Companheiros formavam a maior parte do exército da Fé. Eram lacaios levemente armados que carregavam todas as armas que podiam fazer ou encontrar, geralmente machados ou porretes, e usavam emblemas de estrela, vermelhos em túnicas descoradas de branco. Alguns até açoitaram ou marcaram a estrela de sete pontas em sua carne.[1][4]

No início do levante da Fé Militante em 41 d.C., os Pobres Companheiros mataram o Septão Murmison por realizar o casamento incestuoso do Príncipe Aegon Targaryen com a Princesa Rhaena Targaryen, ambos filhos de Rei Aenys I Targaryen. Os Pobres Companheiros também tentaram assassinar os Targaryen em sua mansão na Colina de Visenya,[3], mas foram parados por Sor Raymont Baratheon da Guarda Real.[5][6] Eles também cercaram Paço de Codorniz enquanto o Príncipe Aegon e a Princesa Rhaena se refugiavam lá.[3]

Membros da ordem foram brutalmente suprimidos pelo Rei Maegor, o Cruel por causa de seu envolvimento nas rebeliões. Maegor obteve uma grande vitória sobre os Pobres Companheiros na batalha da Ponte de Pedra e derrotou 1.300 deles no Grande Delta da Água Negra.[7] Um Septão anônimo escreveu um discurso sobre a guerra de Maegor, o Cruel, contra os Pobres Companheiros.[8]

Maegor baniu as ordens dos militantes, oferecendo uma moeda de veado de prata por cada pobre companheiro impenitente.[9] O apoio a Maegor diminuiu em 48 d.C., no entanto, quando Correrrio apoiou Septão Lua e Sor Joffrey Doggett dos Pobres Companheiros. Lorde Daemon Velaryon e muitas grandes casas também apoiaram o Príncipe Jaehaerys Targaryen. Maegor morreu no Trono de Ferro.[7]

Embora proscritos, os Pobres Companheiros existiram até o reinado do Rei Velho, Jaehaerys I. Jaehaerys o Conciliador e Septão Barth negociaram a paz com o Alto Septão, entretanto, e as Espadas e Estrelas se dispersaram pacificamente.[10] Alguns grupos distintos de Pobres Companheiros ainda existiam décadas mais tarde, no entanto. Há rumores de que Pastor que liderou o Ataque ao Fosso dos Dragões em 130 d.C. fazia parte da ordem.[11]

Eventos Recentes

O Festim dos Corvos

Após a Guerra dos Cinco Reis, os pardais dirigem-se a Porto Real para exigir a proteção do Trono de Ferro para a fé. Um homem, com uma estrela de sete pontas esculpida em seu peito, identifica o grupo como "Pobres Companheiros".[12]

O novo Alto Septão, conhecido como Alto Pardal pelo movimento que lidera, negocia a restauração dos Pobres Companheiros com a Rainha Regente Cersei Lannister. Ela anula as leis que proíbem os homens santos de serem armados. A ordem então renasce.[1] A maior parte dos atuais Pobres Companheiros são membros do movimento do Alto Septão, conhecido como pardais.

Os Pobres Companheiros estão protegendo Lancel Lannister, Lorde de Darry, quando Sor Jaime Lannister visita o castelo do primo.[13]

A Dança dos Dragões

O Grande Septo de Baelor é cercado por uma horda irregular de Pobres Companheiros.[14]

Pobres Companheiros e Filhos do Guerreiro acompanham Cersei durante a sua caminhada da expiação.[4]

Membros Históricos

Citações


Essa dívida será perdoada, e o Rei Tommen terá a sua bênção. Os Filhos do Guerreiro irão me escoltar até ele, brilhando na glória da sua Fé, enquanto os meus pardais partem para defender os dóceis e humildes do mundo, renascidos como Pobres Irmãos, como antigamente.[1]

Notas

  1. A editora SUMA passa a usar o termo Pobres Irmãos no lugar de Pobres Companheiros em suas edições de Fogo & Sangue após adquirir os direitos de publicação das obras de George R. R. Martin em 2018.

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 O Festim dos Corvos, Capítulo 28, Cersei.
  2. O Mundo de Gelo e Fogo, História Antiga: A Chegada dos Ândalos.
  3. 3,0 3,1 3,2 Os Filhos do Dragão.
  4. 4,0 4,1 A Dança dos Dragões, Capítulo 65, Cersei.
  5. O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Aenys I.
  6. O Mundo de Gelo e Fogo, Os Sete Reinos: As Terras da Tempestade, Casa Baratheon.
  7. 7,0 7,1 7,2 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Maegor I.
  8. O Festim dos Corvos, Capítulo 11, A Filha da Lula Gigante.
  9. O Festim dos Corvos, Capítulo 33, Jaime.
  10. O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Jaehaerys I.
  11. 11,0 11,1 O Mundo de Gelo e Fogo, Os Reis Targaryen: Aegon II.
  12. O Festim dos Corvos, Capítulo 4, Brienne.
  13. O Festim dos Corvos, Capítulo 30, Jaime.
  14. A Dança dos Dragões, Capítulo 54, Cersei.
  15. 15,0 15,1 15,2 15,3 15,4 15,5 Fogo & Sangue, Os filhos do dragão.
  16. 16,0 16,1 Fogo & Sangue, De príncipe a rei: A ascensão de Jaehaerys I.

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em Poor Fellows, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.