Second of His Name

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

"Second of His Name"
Baby Aegon Viserys Second of His Name.png
Episódio # Temporada 1
Episódio 3
Lançamento 4 de Setembro de 2022
Créditos
Roteiro
Direção Greg Yaitanes
Duração 58 minutos
Cronologia dos Episódios
← Anterior Próximo →
"The Rogue Prince" "King of the Narrow Sea"
Lista completa de episódios

"Second of His Name" é o terceiro episódio da série de televisão de fantasia medieval da HBO, House of the Dragon. O tempo de execução é de 58 minutos. É escrito pelo co-criador Ryan Condal e o roteirista Gabe Fonseca, e dirigido por Greg Yaitanes. A música foi composta por Ramin Djawadi.

Sinopse oficial

Daemon e o Serpente do Mar travam suas batalhas contra o "Engorda Caranguejo". O reino celebra o segundo dia do nome de Aegon. Rhaenyra enfrenta a perspectiva de casamento.[1]

Enredo

Artigo(s) principal(is): Diferenças entre Fogo & Sangue e House of the Dragon

Em Porto Real e na Mata de Rei

Quase três anos após o casamento do Rei Viserys I com Alicent Hightower, o relacionamento de Rhaenyra com sua nova madrasta continua estremecido. Alicent, que já está grávida do segundo filho, e seu marido já estão planejando a comemoração para o aniversário de dois anos do primogênito do casal, o príncipe Aegon. Depois de descobrir em uma viagem de caça para comemorar o segundo dia do nome de Aegon que Viserys pretendia casá-la com algum de seus nobres senhores, Rhaenyra acredita que Viserys pretende remove-la como sua herdeira em favor de seu meio-irmão e sai furiosamente do acampamento, com Sor Criston Cole, da Guarda Real, a seguindo de perto.[2]

Viserys, no fim, dispensa a oferta de Lorde Jason Lannister de se casar com Rhaenyra e também recusa a proposta de Sor Otto Hightower para casar Rhaenyra com Aegon mas ele só dá ouvidos para o conselho para o Mestre de Leis, Lorde Lyonel Strong, de casar Rhaenyra com Laenor Velaryon como um meio de curar a divisão entre as Casas Targaryen e Velaryon.

Ao acampar durante a noite na natureza, Rhaenyra e Sor Criston são atacados por um javali, que ataca Criston e pula em cima de Rhaenyra antes de ser morto pelos dois. No caminho de volta, Rhaenyra encontra o cervo branco que o Rei Viserys sem sucesso planejava caçar, mas ela deixa o cervo partir.

Retornando triunfante com sua morte, Rhaenyra é assegurada por seu pai de que ele não tem intenção de substituí-la como herdeira, embora ele a exorte a encontrar um marido influente para obter mais apoio para sua reivindicação ao Trono de Ferro. Em privado, Otto insiste para que sua filha Alicent que os nobres do reino esperam que Aegon seja rei um dia, independentemente das opiniões de Viserys sobre Rhaenyra.

Em Passopedra

Três anos após firmarem sua aliança e dois anos após começarem sua guerra, Daemon Targaryen e Corlys Velaryon continuam lutando contra as forças da Triarquia, Craghas "Engorda Caranguejo" Drahar, em Passopedra. A guerra vai indo mal, com Drahar lutando em forma de guerrilha, atacando a Frota Velaryon a noite e recuando para as cavernas quando Daemon chegava para retaliar com seu dragão Caraxes. Com os suprimentos acabando e os homens prestes a desertar, um mensageiro chega com a palavra de reforços despachados pelo Rei Viserys.[2]

Daemon, que se recusava a aceitar a ajuda de seu irmão, finge se render para atrair o exército do Engorda Caranguejo para o campo aberto, nesse ponto a infantaria Velaryon liderada por Corlys e seu irmão mais novo, Vaemond, lançam um contra-ataque. Enquanto isso, o filho mais velho de Corly, Laenor, corta a rota de fuga da Triarquia e ataca seus flancos utilizando seu dragão, Seasmoke. Daemon persegue Drahar até as cavernas e o mato, com as forças Velaryon finalmente se saindo vitoriosos numa batalha derradeira.

Elenco convidado


Recepção

Audiência

O episódio foi assistido por 16 milhões de telespectadores somente nos Estados Unidos, através de todas as plataformas, nos três primeiros dias de exibição, baseado em dados da Nielsen Corporation e da HBO. Na segunda-feira pós exibição na TV a cabo nos Estados Unidos, a HBO registrou uma audiência no seu serviço de streaming, o HBO Max, 27% maior que do episódio anterior.[3]

Crítica

No site agregador de resenhas Rotten Tomatoes, o episódio recebeu um índice de aprovação de 84% baseado em 108 críticas, com uma nota média de 7,4 (de 10).[4] Escrevendo para o site Den of Geek, Alec Bojalad deu ao episódio uma nota quatro de cinco estrelas, afirmando: "De muitos jetiso, 'Second of His Name' fornece a evidência mais convincente até agora de que o programa sabe o que está fazendo. [...] [É] quase puramente uma criação original dos escritores do programa, pois nenhum de seus momentos mais climáticos pode ser encontrado em qualquer página de um ponto de vista distinto". Ele também elogiou sua escrita, design de produção e figurinos, bem como a cena entre Rhaenyra e Sor Criston Cole.[5] Nick Hilton, da The Independent, também avaliou o episódio com quatro de cinco estrelas.[6]

Helen O'Hara, escrevendo para a IGN, dando uma nota 7 (de 10), dizendo que "este episódio é lento, que apresenta novos personagens e se entrega a fofocas antes de desencadear aquele final enorme e ardente. [...] Enquanto tudo está começando a parecer um pouco familiar, este episódio ainda consegue manter nossa atenção - e esgueirar-se em uma boa ação de dragão".[7] Molly Edwards, do site GamesRadar+, deu quatro de cinco estrelas a "Second of His Name" e resumiu dizendo "outra entrada sólida na primeira temporada de House of the Dragon, juntando as peças para mais batalhas épicas que estão por vir" e elogiou ainda mais as performances de Matt Smith e Emily Carey.[8] Kimberly Roots, da TVLine, também elogiou a performance de Carey.[9]

Em uma avaliação mista do episódio, Michael Deacon do The Telegraph, deu ao episódio três de cinco estrelas. Ele criticou o episódio por ser "lento" e expressou sua decepção por terem matado o Engorda Caranguejo muito cedo, embora ele tenha elogiado a cena de batalha nos Degraus e a chamou de "espetacular".[10] Hillary Kelly, escrevendo para o site Vulture, também deu ao episódio uma nota três (de cinco) e criticou algumas partes do roteiro; no entanto ela elogiou a abertura e a cena de batalha, bem como a atuação de Smith.[11] Jenna Scherer, da The A.V. Club, deu a "Second of His Name" uma nota 'C+', afirmando que "o episódio é centrado em torno da caça ao veado mais anticlimática do mundo, um caso absurdamente pródigo à beira de Mata de Rei em comemoração ao aniversário de Aegon", enquanto elogiou a performance de Milly Alcock, a química entre Rhaenyra e Sor Criston Cole, e também a cena de batalha.[12]

Links externos

References

  1. HBO.com: House of the Dragon Season 1
  2. 2,0 2,1 House of the Dragon, 1ª Temporada, "Second of His Name".
  3. "‘House Of The Dragon’ Week 3 Ratings: HBO Drama On Pace With 16 Million-Plus Viewers". Página acessada em 9 de setembro de 2022.
  4. "House of the Dragon: Season 1, Episode 3". Rotten Tomatoes. Página acessada em 9 de setembro de 2022.
  5. "House of the Dragon Episode 3 Review: Second of His Name". Den of Geek. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  6. "House of the Dragon recap, episode 3: Heavy is the head of Paddy Considine’s troubled king". The Independent. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  7. "House of the Dragon - Episode 3 Review". IGN. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  8. "House of the Dragon episode 3 review: "Finally, the dragons in all their glory". GamesRadar+. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  9. "House of the Dragon Recap: A Bloody Boar and One Very Cooked Crab". TVLine. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  10. "House of the Dragon, episode 3 review: is anyone else a bit bored of the dragons?". The Telegraph. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  11. "House of the Dragon Recap: Green-Eyed Monster". Vulture. Página acessada em 5 de setembro de 2022.
  12. "On House Of The Dragon, just about everyone is over Viserys". The A.V. Club. Página acessada em 5 de setembro de 2022.