A Dança dos Dragões - Capítulo 8

De Gelo e Fogo wiki
Ir para: navegação, pesquisa


Tyrion III
Capítulo de A Dança dos Dragões
A Dança dos Dragões.jpg
PDVTyrion Lannister
LocalGhoyan Drohe
Página102 PT-BR Leya (Outras versões)
Cronologia dos capítulos (Todos)
Tyrion II
Jon II ← Tyrion III → Davos I

Tyrion IV

Tyrion encontra a família Griff a bordo do Donzela Tímida.

Resumo

Tyrion Lannister, que viajava durante esse tempo todo em uma liteira com Illyrio Mopatis, finalmente chega a seu destino: Ele conhece Haldon Meiomeistre e Rolly Patodocampo, e é apresentado por Illyrio como um anão chamado Yollo, embora Tyrion faça questão se ser chamado de Hugor Hill. Haldon e Pato contam que a viagem será perigosa porque dothrakis no comando de khal Pono têm sido vistos rodeando as terras ao redor do Roine. Depois de pegarem suprimentos e um baú com Illyrio, os dois começam a instigar Tyrion com seu conhecimento sobre dragões. Eles então se despedem de Illyrio, que jura por sua mulher encontrá-los em Westeros em breve, e seguem viagem a cavalos junto de Tyrion.

Logo que a viagem começa, Haldon e Pato começam a amedrontar Tyrion, falando sobre os piratas do Lago Adaga que poderiam sequestrá-lo, como a Senhora Korra, a Cruel que tem um navio cheio de donzelas terríveis que castram homens, e o Senhor Mascarado[N 1], também conhecido como Príncipe dos Sofrimentos que daria a Tyrion o beijo gris. A essa última menção, Tyrion começa a ficar com medo. Até Pato não gosta de mencionar o homem da lenda, dizendo que ele poderia os ouvir ali no Roine. Pato então começa a contar a Tyrion como Griff o sagrou cavaleiro: ele basicamente machucou um nobre e teve que fugir da Campina, se juntando a Companhia Dourada. Um ano mais tarde Griff o fazia cavaleiro.

Tyrion percebe que o baú dado por Illyrio a eles parecia muito leve para ter ouro. Os dois dão de ombros dizendo que o presente de Illyrio para a Companhia Dourada se tratava de roupas, tecidos, lãs e capas de seda. Tyrion começa a lembrar de Tywin, e como ele o impediu de viajar para as Cidades Livres para conhecer as Maravilhas do mundo que leu em Maravilhas e Maravilhas Feitas Pelo Homem quando o anão fez 16 anos.

No dia seguinte, eles chegam ao Pequeno Roine em Ghoyan Drohe - um lugar que um dia foi bonito, verde e florido, com templos e palácios... até que chegaram os dragões e a guerra e tudo sucumbiu para debaixo da terra. Lá, um barco chamado Donzela Tímida espera por eles.

A bordo estão um velho casal com feições roinares, uma septã muito bonita, o garoto Jovem Griff, com seus cabelos azuis, e seu pai, o Griff que tinha cabelos vermelho na raíz mas também os tingia de azul. O velho então lê uma carta enviada por Illyrio onde se lia sobre Tyrion ter matado o pai. Tyrion percebe que aquele homem não parece ser um mercenário comum, começando pelo fato de que sabia ler, e havia sido um cavaleiro. Além disso, ele parece ser alimentado pelo ódio, impaciente… principalmente com Tyrion.

Tyrion então, mesmo fazendo pouco da situação, afirma que está disposto a servir Daenerys. Mas o anão então questiona:

"E se encontrarmos Daenerys e descobrirmos que essa história de dragões é alguma fantasia de um marinheiro bêbado? O mundo está cheio de contos loucos com gramequins e snarks, fantasmas e vampiros, sereias, gnomos, cavalos alados, porcos alados, leões alados..."

Ao ouvir isso, Griff franze a testa dizendo para Tyrion se calar se quiser chegar a Volantis, pois aquilo não é um jogo que todos estão jogando para o divertimento dele.

Tyrion então pensa quieto:

"É claro que é. O jogo dos tronos."

Citações

Posso contar para Sua Graça como minha doce irmã pensa, se alguém pode chamar aquilo de pensar. Posso dizer aos capitães dela qual a melhor maneira de derrotar meu irmão Jaime em batalha. Sei quais senhores são corajosos e quais são covardes, quais são leais e quais são corruptos. Posso entregar aliados para ela. E sei muito e ainda mais sobre dragões, como seu meiomeistre lhe dirá. E sou divertido também, e não como muito. Considere-me seu verdadeiro duende.[1]
Tyrion monstrando a Griff como poderá ser útil a Daenerys, para servi-la.



Passagens destacadas

  • É revelado que, para marcar a entrada de Tyrion na vida adulta, Tywin o deixou responsável por todos os drenos e cisternas de Rochedo Casterly. Tyrion acha que o pai esperava que ele caísse em um deles. No entanto, os drenos nunca funcionaram tão bem como na época em que o anão esteve a cargo deles.[2]


Lista de Personagens

Aparecem:

Mencionados:


Lugares e termos mencionados


Notas

  1. Há uma incoerência na tradução da LEYA no que diz respeito ao nome deste personagem conhecido das lendas de Essos, cuja versão original é Shrouded Lord. Seu nome foi traduzido como Senhor Mascarado no capítulo Tyrion III do livro A Dança dos Dragões, objeto deste artigo. No entanto, no capítulo Tyrion V do livro A Dança dos Dragões, e no capítulo Tyrion V do livro A Dança dos Dragões, a LEYA optou por mudar a tradução do nome, usando o termo Senhor da Mortalha.


Referências

  1. A Dança dos Dragões, Capítulo 8, Tyrion, página 108.
  2. A Dança dos Dragões, Capítulo 8, Tyrion, página 106.