Ações

Rei da Noite (Game of Thrones)

Se você está procurando pelo personagem nos livros, veja Rei da Noite. Disambig.png

Rei da Noite
Night king.jpg
Temporada(s) 4ª Temporada
5ª Temporada
6ª Temporada
7ª Temporada
8ª Temporada
Primeira Aparição Two Swords
Última Aparição The Long Night
Apareceu em 16 episódios (ver seção)
Interpretado(a) por Richard Brake (4ª e 5ª temporadas)
Vladimir 'Furdo' Furdik (a partir da 6ª temporada)
Raça Caminhante Branco

O Rei da Noite (no original, Night King) é o líder dos Caminhantes Brancos na série de televisão Game of Thrones da HBO,[1] na qual é interpretado por Vladimir Furdik.

História

Veja também: Imagens de Rei da Noite em Game of Thrones

Na série da HBO, antes de ser o Rei da Noite, o personagem era um dos Primeiros Homens que foi capturado pelas Crianças da Floresta. Uma das criaturas, chamada Folha, colocou uma adaga de obsidiana contra o seu peito, fazendo que seus olhos ficassem azuis, tornando ele no primeiro dos Caminhantes Brancos. Segundo explicado na série, as Crianças da Floresta criaram os Caminhantes Brancos como um meio de se defender durante a invasão dos Primeiros Homens a Westeros. Assim, na série, o Rei da Noite foi o primeiro dos Caminhantes, enquanto nos livros eles já existiam antes dele nascer.

Quarta temporada

O Rei da Noite aparece pela primeira vez em uma visão de Bran Stark, quando ele se junta a um represeiro árvore-coração. Bran vivencia uma torrente de imagens, mas não compreende o que elas significam. Retrospectivamente, uma delas é a imagem do Rei da Noite pegando o último dos filhos de Craster em um altar de gelo.

O último filho de Craster é levado pelos Caminhantes Brancos da floresta assombrada às Terras de Sempre Inverno, onde eles são esperados pelo Rei da Noite e um grupo de treze Caminhantes Brancos trajando negro. O bebê é colocado em um altar de gelo circundado por estalagmites geladas, e o Rei da Noite se aproxima. Quando ele toma o menino nos braços, o bebê imediatamente se acalma, e quando ele toca o rosto da criança com o indicador, os olhos dele se tornam azuis e sua pele fica pálida.

Quinta temporada

O Rei da Noite comanda os Caminhantes Brancos e as criaturas durante o ataque a Durolar. Ele está assistindo do topo de um abismo quando Jon Snow mata um de seus tenentes com Garralonga. Quando Jon, Tormund e os outros defensores partem de barco, o Rei da Noite aparece no cais e crava os olhos em Snow. Com um mero levantar de braços, ele ergue todos os membros do povo livre como criaturas, e continua mirando Jon enquanto o barco se distancia.

Sexta temporada

O Rei da Noite aparece em outra visão de Bran, na qual o rapaz assiste a sua trasnformação em Caminhante Branco pelas Crianças da Floresta. Depois, quando Bran tenta experimentar visões por si mesmo, ele se percebe vendo o exército de criaturas, com o Rei da Noite e os outros Caminhantes Brancos atrás. Bran se aproxima e fica chocado ao ver que o Rei da Noite percebe sua presença. Bran acorda gritando, depois de o Rei da Noite aparecer logo a seu lado. O Corvo de três olhos diz que o Rei da Noite o tocou, o que Bran confirma, quando uma marca azul no formato de uma mão fica marcada em seu braço. O Corvo diz que, por causa dessa marca, o Rei da Noite agora sabe exatamente onde eles estão, e a caverna não pode mais protegê-los.

O Rei da Noite e seu exército rapidamente se dirigem para a caverna, precedidos por sua aura de frio, que alerta os Filhos da Floresta e Meera Reed. Os Filhos preparam suas precárias defesas do lado de fora da caverna, mas são rapidamente subjugados e forçados a recuar para dentro dos túneis. O Rei da Noite envia seu exército de criaturas para atacar os túneis, e eles matam a maioria dos Filhos e Verão, embora Bran, Meera e Hodor consigam escapar da caverna. O Rei da Noite entra na caverna, e fita o Corvo de Três Olhos antes de matá-lo. O Rei da Noite, então, envia o resto de suas criaturas atrás de Bran.

Sétima temporada

Ao usar seu dom para ver pelos olhos dos corvos, Bran observa o exército do Rei da Noite marchando em direção à Muralha. O Rei da Noite olha para em cima em direção aos corvos, e Bran imediatamente perde sua conexão. Quando Jon Snow e seu bando vão ao norte da Muralha para tentar capturar uma criatura, como prova para o resto dos Sete Reinos da ameaça iminente, eles são circundados pelo exército do Rei da Noite. Jon teoriza que se eles matarem o Rei da Noite, o resto da horda morta-viva vai sucumbir.

Daenerys e seus três dragões chegam para resgatar Jon e os sobreviventes. Os dragões massacram o exército do Rei da Noite. Um dos tenentes do Rei da Noite dá a seu mestre uma lança de gelo, que ele arremessa em direção a Viserion. O dragão é atingido e cai no gelo do lago, onde morre antes de afundar. O Rei da Noite recebe outra lança e tenta derrubar Drogon quando está para levantar voo, mas o dragão desvia do projétil.

Mais tarde, com uma corrente, as forças do Rei da Noite retiram o cadáver de Viserion do lago. O Rei da Noite, então, põe a mão na cabeça do dragão, que abre os olhos, agora azuis. Usando Viserion como montaria, o Rei da Noite ataca a Muralha em Atalaialeste-do-Mar. O dragão agora cospe chamas mágicas azuis, e derrete uma porção da Muralha, que faz com que ela caia. O exército de criaturas marcha por entre as ruínas em direção ao sul, enquanto o Rei da Noite voa acima.

Oitava temporada

Liderados pelo Rei da Noite, o Exército dos Mortos toma Última Lareira e chacina todos na fortaleza. Em seguida, os Caminhantes Brancos atacam Winterfell diretamente. O exército dos vivos (nortenhos, Imaculados, homens do Vale e dothrakis) tenta resistir mas acabam sendo empurrados para trás. O Rei da Noite lidera suas forças montado em Viserion e consegue evadir Jon e Daenerys e inflige danos ao castelo. Os defensores de Winterfell continuam a recuar, com suas muralhas sendo sobrepujadas. O Rei da Noite então ressuscita os mortos da batalha e adentra no castelo para matar Bran Stark, o novo Corvo de Três Olhos, pois ele quer apagar toda a memória da humanidade e jogar o mundo num inverno sem fim. O Rei da Noite, porém, é surpreendido por Arya Stark e acaba sendo morto. O restante do seu exército se desfaz junto com ele, dando vitória aos vivos.

Aparições

Aparições na 4ª Temporada de Game of Thrones
Two Swords The Lion and the Rose Breaker of Chains First of His Name
The Laws of Gods and Men Mockingbird The Mountain and the Viper The Watchers on the Wall The Children
Aparições na 5ª Temporada de Game of Thrones
The Wars to Come The House of Black and White High Sparrow Kill the Boy
Unbowed, Unbent, Unbroken The Gift The Dance of Dragons Mother's Mercy
Aparições na 6ª Temporada de Game of Thrones
Book of the Stranger The Door
Blood of My Blood The Broken Man No One
Aparições na 7ª Temporada de Game of Thrones
- - -
Aparições na 8ª Temporada de Game of Thrones
Winterfell A Knight of the Seven Kingdoms
The Last of the Starks The Bells The Iron Throne


Relação com o personagem dos livros

Quando George R. R. Martin foi perguntado se havia relação, nos livros, entre o Rei da Noite e o líder dos Caminhantes Brancos, ele afirmou: "O Rei da Noite é uma figura lendária, como Lann o Esperto e Brandon o Construtor, e a probabilidade dele estar vivo é tão grande quanto a desses ai também estarem."[2]

Referências

  1. Game of Thrones Temporada 5: Inside the Episode #8, 31 de maio de 2015
  2. So Spake Martin: On Maegor III and the Night's King, 9 de junho de 2015