A Dança dos Dragões - Capítulo 62

De Gelo e Fogo wiki
Ir para navegação Ir para pesquisar

 

O Sacrifício
Capítulo de A Dança dos Dragões
A Dança dos Dragões.jpg
PDVAsha Greyjoy
LocalVila de Arrendatários na Mata de Lobos, Norte, Westeros
Página689-700 PT-BR Leya (Outras versões)
Cena. (Série HBO)
Cronologia dos capítulos (Todos)
O Prêmio do Rei
O Grifo Renascido ← O Sacrifício → Victarion I

Asha é refém de Stannis. Alguns dos homens do rei querem queimá-la em sacrifício. Justin Massey quer se casar com ela. Ela não reconhece Theon quando eles se reencontram.

Resumo

O reencontro de Asha e Theon,
por Kallie LeFave ©

Asha Greyjoy ainda é prisioneira de Stannis Baratheon na Vila de Arrendatários. Asha está sendo vigiada por Alysane Mormont. Atualmente, todos estão segurando acampamento entre os dois lagos principais da vila. Todos pensavam que seriam apenas três dias dali até Winterfell, mas as neves os mantiveram encalhados por dezenove dias. A comida certamente agora é a grande preocupação. O suprimento de peixes do lago diminuiu consideravelmente, e todos começam a confiar nos cavalos morrendo como uma fonte de alimento. Já há algum tempo, forragear tem trazido poucos resultados. Alguns homens começaram até mesmo a recorrer ao canibalismo: quatro homens da Casa Peasebury foram pegos comendo partes de um homem morto da Casa Fell.

Há tensões crescentes entre os homens da rainha que Stannis trouxe com ele de Pedra do Dragão, e as outras pessoas ali presentes: nortenhos e os homens do rei que Stannis trouxe de Pedrão do Dragão e das Terras da Tempestade.

Alimentando essas tensões, Sor Godry Farring, o Matador de Gigantes, Sor Corliss Penny e Sor Clayton Suggs estão prestes a queimar os quatro canibais em sacrifício por R'hllor, na esperança de parar o cair das neves. Os nortenhos Artos Flint e Grande Balde Wull expressam aversão ao sacrifício. Asha percebe que Clayton Suggs é um homem cruel e teme que eventualmente se volte contra ela.

O próprio Stannis decide recuar para o topo da torre local (que possui uma chama perene), por quatro dias, desde que a seu escudeiro Bryen Farring foi queimado em uma pira após morrer de frio. Stannis retorna agora, juntamente com Sor Richard Horpe (homem da rainha) e o castelão de Karhold, Arnolf Karstark, cujos homens se juntaram a eles oito dias atrás. Há rumores de que Arnolf comande Winterfell se Stannis conseguir retomar o castelo.

Stannis autoriza o sacrifício dos canibais, e observa até o fim.

Sor Justin Massey permanece perto de Asha e a protege das ameaças de Clayton Suggs. Ele também revela que não é mais crente em R'hllor e sugere que sabe mais do que ele está dizendo.

Justin oferece proteger Asha por um tempo, aliviando Alys Mormont do dever, e vemos os dois comerem um cavalo assado no salão. Os cavaleiros de Stannis, no entanto, estão perdidos por falta de opções, sabendo que provavelmente morrerão em breve, não importa o que façam, pois não têm comida nem estão em condições de lutar contra as forças de Roose Bolton em Winterfell. A conversa os deixa tensos e frustrados, e eventualmente Justin sai do salão. Tentando segui-lo, Asha encontra Clayton Suggs. Ele a ameaça, mas os dois ficam surpresos ao descobrir que cavaleiros estão chegando ao acampamento de Stannis.

Assumindo que este é um ataque dos Boltons e Freys, Clayton ordena Asha a avisar os outros enquanto ele sozinho tenta atrasar os cavaleiros. Mas não há perigo imediato, pois os cavaleiros não são hostis. Descobrimos que trata-se do grupo de Tycho Nestoris, representante do Banco de Ferro de Braavos, com dois homens da Patrulha da Noite e os sete homens de ferro que ele resgatou de Sybelle Locke. Asha reconhece Tristifer Botley entre eles.

O grupo chegou via Winterfell, onde encontraram Papa Corvos Umber batendo tambores e soprando chifres, e trouxeram Theon Greyjoy e Jeyne Poole de Winterfell.

O nariz de Jeyne está preto devido ao congelamento da neve, e ninguém se referiu a ela pelo nome ainda, então não está claro se o grupo de Tycho sabe que ela não é Arya Stark. Asha não consegue reconhecer Theon, que parece décadas mais velho. Theon, entretanto, revela sua identidade a Asha, que fica em choque.

Citações


Sor Godry: R’hllor, nós lhe damos quatro homens maus. Com corações felizes e verdadeiros, nós os entregamos para suas chamas purificadoras, para que a escuridão de suas almas possam ser queimadas. Deixe sua carne vil ser cauterizada e enegrecida, para que os espíritos deles possam se erguer livres e puros para ascender até a luz. Aceite seu sangue, oh, senhor, e derreta as correntes geladas que prendem seus servos. Ouça a dor deles, e conceda força às nossas espadas, para que possamos derramar o sangue de nossos inimigos. Aceite este sacrifício e nos mostre o caminho para Winterfell, para que possamos vencer os infiéis.

Todos: Senhor da Luz, aceite este sacrifício.[1]
—— Oração para o Senhor da Luz durante o ritual.




Theon: Irmã. Veja. Desta vez eu a reconheci.

Asha:Theon?

Theon: Theon. Meu nome é Theon. Você tem que saber seu nome.[2]
—— O reencontro entre os irmãos Greyjoy.

Links externos

Sobre a página

Esta página utiliza conteúdo baseado em A Dance with Dragons - Chapter 62, um artigo de A Wiki Of Ice And Fire.

Referências

  1. A Dança dos Dragões, Capítulo 62, O Sacrifício.
  2. A Dança dos Dragões, Capítulo 62, O Sacrifício.